Vera Santos: Que vazio é este dentro do meu peito,...

Que vazio é este dentro do meu peito,
que me consome feito um furação.
Mudou todo o meu jeito,
me esmaga o coração.
Deixa meu corpo em sofrimento,
como a melodia triste de uma canção.
Nenhum tom é perfeito,
quando se sofre uma desilusão.
Amar assim com efeito,
é padecer na solidão.
Me faz sofrer com que direito,
me mantém cativo numa prisão.
Amor que me joga num leito,
me deixa doente de paixão.
Vou tentar curar o meu defeito,
procurara você na multidão.
Não quero morrer no desalento,
só quero viver essa emoção.
Que lhe digo não são palavras ao vento,
mas sim o que sente meu coração.
Não brinque com meu sentimento,
pois ele não tem qualquer proteção.
Que fantasmas passam pelo seu pensamento?
Não quero te ver sofrer, nem é essa minha intensão.
Só te peço uma chance nesse momento,
entrar na sua vida e não apenas viver uma ilusão.
Tento fazer da confiança um merecimento,
da verdade minha lição.
Não quero você por passatempo,
e sim pelo tempo longo da imensidão.

2 compartilhamentos
Inserida por vera_santos