Felipe Coelho: Como uma noite fria, vazia e boêmia;...

Como uma noite fria, vazia e boêmia; Passando Rua em Rua sem nomes Sem endereço de destino Remoendo meus algozes Discrente da vida, do mundo Solitário em meio à... Frase de Felipe Coelho.

Como uma noite fria, vazia e boêmia;
Passando Rua em Rua sem nomes
Sem endereço de destino
Remoendo meus algozes
Discrente da vida, do mundo
Solitário em meio à imensidão.
À mera o nada
Tudo me faz de desdém.
Solidão pérfida
Inimiga
Árdua, êrmo!
Tem longevidade
E só resta ser ufano.

1 compartilhamento
Inserida por FelipeCoelho94