Mano Melo: Quem quiser que decifre os pirilampeios...

Quem quiser que decifre os pirilampeios pela escuridão. Eu me guio pelos sinais dos faróis das ilhas perto do cais. E nem me lembro mais das borboletas pescadas... Frase de Mano Melo.

Quem quiser que decifre os pirilampeios
pela escuridão.
Eu me guio pelos sinais dos faróis
das ilhas perto do cais.
E nem me lembro mais
das borboletas pescadas nos anzóis.
Lembro-me só dos arrebóis,
dos arrepios,
dos bicos de seios
em que, pela primeira vez, me vi ante os mistérios
da mulher.
Um rio me invade
o status quo tidiano.
A vida vibra em ondas como um aeroplano.

1 compartilhamento
Inserida por ManoMelo