AteopPensador: ►O Que Resta É A Imaginação Sim,...

►O Que Resta É A Imaginação

Sim, estou sozinho
Sim, aparentemente não tenho amigos
Sim, mau estou me sentindo
Mas vejam, eu ainda tenho isso,
O meu mundo fictício
Dele sou um inquilino íntimo
Nele eu posso ter pensamentos explícitos
E mesmo que falte companhia no domingo,
Eu não posso me render, não posso ser abatido
Pois penso que, como meu caso, eu não sou o único indivíduo
Levante então a mão e diga quem nunca quis ouvir,
"Pode sempre contar comigo"
Eu infelizmente acreditei nisso,
Pena que não passava de um equívoco.

Foi deveras uma grande revelação
Uma descoberta a imaginação
Quando entendi que possuo o poder da criação
E que eu posso me embebedar da invenção
Pois quando não temos um amigo, cria-se um vazio,
Ocupado apenas por um vento frio e rígido.

Me disseram então o seguinte ditado
"Antes só do que mal acompanhado"
Será? Pois no mundo atual todos somos maus
Se for assim, serei enterrado com apenas o coveiro do meu lado
Eu creio que a amizade nos tira do quarto
Acredito que cada um merece um amigo,
É obrigatório ter amigos? Não, mas é aconselhável
Pois são uma das melhores pessoas para nos resgatar da solidão
Porém hoje estou encalhado nas areias da ilusão
Hoje entendi de fato o que é um amigo falso.

Possuo alguns desejos para me manter de pé
Para me deixarem resistente contra a tristeza, ou outra coisa qualquer
Mas mesmo assim eu sinto um vazio aqui dentro
Que desde de 2015 se fortaleceu, feito concreto
Momentos difíceis, mas irão passar, tenho que acreditar
Deus não punirá aqueles que não feriram Caim
Acredito cegamente que não cometi um pecado imperdoável,
E o que estou vivendo agora é somente uma situação desagradável
Me doí escrever sobre a solidão, pois quando leio, me entristeço
Por isso crio histórias de amor, um pouco de humor
Espero que o próximo demore
Que eu melhore, e que meu sentimento revigore
Não recomendo o isolamento a ninguém que conheço,
Ou mesmo para os anônimos que surgem a todo tempo.

Eu estava pensando até em mudar
Estava pensando em guardar meu celular,
Deixá-lo em uma caixa, e lacrá-la
Mas não posso me esconder do mundo,
Pois ele está logo ali na janela,
Não posso ser cego, surdo e mudo,
Fingindo estar vivendo em um pequeno e sufocante cubo.

Eu não estou sozinho de verdade
Tenho minha família e minha privacidade
Posso estar escasso de amizades
Mas se estou vivo até agora neste mundo violento,
É prova de que possuo a capacidade
Não posso desperdiçá-la fugindo da realidade
Não posso continuar vivendo em Nárnia
Tenho que levantar a cabeça e reerguer minha fábrica
A imaginação estará novamente se encontrando com a paixão
A depressão será jogada no chão.

1 compartilhamento
Inserida por AteopPensador