R. Matos: Nos tempos bíblicos ela habitou o mar...

Nos tempos bíblicos ela habitou o mar é em muita gente ainda hoje está presente
Você forte foi Jó, aguento de todas as maneiras a dor e como uma superstição a criatura um dia que Deus falou
Veemente monstro aquático, que habita no interior de cada um
Ninguém e de o encarar friamente sua face gelada
Sobre o céu a terra e os mares que sairá ileso a enfrentar sua rusga
Quem abrirá com sua lâmina sua garganta onde o veneno do terror ataca
As ondas se balançam e alcançam o topo das nuvens com sua submersão
A espada é a lança não conseguem lhe tocar, o bronze e palha, a prata papel é o ouro é apenas brilhante
Debaixo da tempestade onde o mar negro se confunde com céu noturno na madrugada
Serpente, dragão gigantesco terror da incompreensão de muitos corações
Raios de sangue brotam de sua boca a espuma da fúria gota de suas presas, fúria incontrolada se torna em seu caminho
Sua boca arde como chamas ao falar seus dentes vociferam
Do seu olhar procede a raiva por suas vitórias, e suas narinas expandem como panela de pressão exalando fumaça
Como recitado no livro sagrado
Pesque com anzol, amare sua língua espiritualmente e não abra chance para ser pego
Insólita desentendida por sua grandiosidade de criação mítica entre os hebraicos divindades em culturas pagãs
Navegue sobre eles e veja a criação a mistura de oscilações seja poético em entender que o que pode parecer mal não é
Castigue nos dias de fúria o dragão que fugiu, o que sobrou desta espécie sua cabeça será servida ao seu povo
Duas interpretações numa mesma criatura, seu lado manipulador de mentes persuasivo e regente de zelotipia
Não se deixem enganar a serpente do mar foi criada e habita sobre as águas de seu reino, até onde o farol possa iluminar
Não deixe sua mente escuras para falsas interpretações de mitos urbanos
Perto disso você e pô ou patavina
Criações grandiosas exigem mingua mento intensos para compreender a natureza da vida o poder da existência e entender que o mundo não feito por partículas ou moléculas.

1 compartilhamento
Inserida por rmatos