R. Matos: Ao jovem a mensagem do vento que ele vai...

Ao jovem a mensagem do vento que ele vai chegar
Aos que a brisa do tempo já alcançou a volta a ser garoto e questão de visão
Precisar se preocupar com as vantagens de ser mais velho, com certeza não é vantagem
“Adquirir a maturidade sem conhecer a flor, não traz vantagem para a abelha”
Percebe que pensou em ser maior, sem chegar lá e parecer na novicie
Tudo cresce o no período oportuno será crucial sua fase de responsabilidade
Agora pequeno desfrute do dom e do céu que o mundo foi feito para seus pezinhos
A lama na cara vai sentir falta, dos fins de tarde chegando todo estropiado em casa e vai sentir eternas saudades desse tempo
Não cresça antes do tempo não pule seus anos, a vida é passageira
E olha que isso para quem vê e cativante
Esses anos jamais irão voltar
Quando o mundo me sustentou e eu enfim conseguir evoluir em idade, mas minha cabeça parou milhares de dias atrás
Eu busquei nas esperanças vans do pretérito dias sem fim de ilusões e sonhos
Me misturar, mostrar a criança interior que como o ar do balão se explode e bah
O seu interior se convenciona por todos os lados
Como no oceano da felicidade precisava desabrochar exteriorizar um lado infantil
Jamais com aquele conceito, de ser criança não levando a sério as pessoas
O lado que todo mundo um dia precisa de brincar e dançar na chuva
Se molhar arriscar, por um momento esquecer suas obrigações e unicamente sorrir.

1 compartilhamento
Inserida por rmatos