Antonio Costta: SONHO DE POETA Um dia escreverei um...

SONHO DE POETA Um dia escreverei um poema que não correrá o mundo como um cometa, mas que correrá o estômago de uma criança faminta como um prato de sopa. Um di... Frase de Antonio Costta.

SONHO DE POETA

Um dia escreverei um poema
que não correrá o mundo
como um cometa,
mas que correrá o estômago
de uma criança faminta
como um prato de sopa.

Um dia escreverei um poema
que não terá nenhuma beleza
rítimica ou estética,
mas que a sua mensagem
será como uma espada de dois fios
que alcançará os corações das pessoas.

Um dia escreverei um poema
que não sairá nos jornais
nem nas revistas de literatura.
Mas que será lido,
relido e cantado,
nos bancos das praças,
nas noites frias,
pelos menores abandonados
e pelos mendigos
debaixo dos viadutos!...

Um dia
escreverei um poema
que será ignorado
pelos intelectuais
e pelos críticos de plantão.
Mas que será aplaudido,
muitíssimo aplaudido,
pelos pobres da terra.

1 compartilhamento
Inserida por antoniocostta