Demétrio Sena, Magé - RJ.: MORRENTES Demétrio Sena, Magé - RJ. A...

MORRENTES Demétrio Sena, Magé - RJ. A gente vive morrendo. Se não de medo, é de raiva; se não de raiva, cansaço. Quase de verdade, se morre até de saudade. Gent... Frase de Demétrio Sena, Magé - RJ..

MORRENTES

Demétrio Sena, Magé - RJ.

A gente vive morrendo.
Se não de medo, é de raiva;
se não de raiva, cansaço.
Quase de verdade,
se morre até de saudade.
Gente morre de fome
(de fato e de nome),
às vezes morre de rir,
de frio e calor
e tanto esperar.
As mortes passam por nós,
como despejo;
também se morre de susto,
ciúme ou inveja;
paixão ou desejo.
De não saber extrair
o bom dos fatos;
o bem do mal.
Por ter preguiça de achar
bem lá na frente,
um pouco atrás,
melhor saída...
o mundo vive doente,
a gente morre demais
pra pouca vida.

1 compartilhamento
Inserida por demetriosena