Coleção pessoal de Massako

1 - 20 do total de 117 pensamentos na coleção de Massako

⁠Quero amar como os homens! Um estranho amor.
Quero amar como os homens! Que após nascerem, e tomarem conhecimento da vida, com sorrisos e lágrimas, escravizam seus pais; para depois, quando pais, serem escravizados pelas mesmas vontades de seus filhos.
Quero amar como os homens! Que tanto apreciam a natureza, a ponto de muda-la, para satisfazer seus próprios desejos e as suas definições do que é belo.
Quero amar como os homens! Que amam tanto os animais, que os aprisionam para sua proteção. Que os guardam em gaiolas, apenas para poder ter a exclusividade do canto preso, que de forma muda, e olhares mortos, gritam pela liberdade e pela vida perdida.
Quero amar como os homens! Que tiram as rosas de um jardim, condenando-as, apenas para agradar a amada, afinal, é uma bela declaração de amor.
Quero amar como os homens! Que dizem amar o mundo, mas, não são capazes de amar o próximo. E o que dizer do homem; extremo amor. Que medita pensando na paz, procurando a solução das misérias do mundo; negando a seu vizinho, um prato de comida para lhe saciar a fome.
Quero amar como os homens! Que tem valor passageiro na vida, e um valor insignificante na morte.
Quero amar como os homens! Que inebriados pelas coisas vãs, caminham filosofando torpezas sobre a vida. Vivendo os imprestáveis conceitos alheios que lhe são palatáveis.
Quero amar como os homens! Que conseguem falar com o divino, adorá-lo, e logo em seguida, pecar.
Quero amar como os homens! Que amam diferentes amores: pais, filhos, amigos, amantes, amadas, cachorros.
Quero amar como os homens! Um estranho amor, um verdadeiro amor, se descobrir no amor, uma forma de amar.
Massako.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: reflexão poemas

Meu coração é do tamanho de minha morada.

Posso comparar meu coração com o tamanho de uma morada?
E se posso, qual tamanho escolheria?
Seria uma casinha simples nos montes, ou uma mansão luxuosa nos alpes?
Se meu coração fosse do tamanho de uma morada, o que eu colocaria em seu interior?
Pessoas ou objetos?
Sentimentos ou razões?
Meu coração, minha casa, meu refúgio d’alma.
Para adentrar em minha casa, não será tarefa fácil, será necessário será bater palmas em frente ao portão da confiança, ah! Isso será requisito para visitar meu coração.
Ao escutar o bater de palmas, espiarei pela janela d’alma, observarei atenta e cautelosamente e, se o calor das palmas, ecoarem para o interior do meu coração, abrirei suas portas.
Permito a quem desejo, desfrutar de minha morada.
Permito o calor da lareira, o aconchego do lar.
Mas, educada, paciente e carinhosamente, peço a quem entrar que não estrague nada.
Não estrague minha morada, por favor, não me danifique.
Se arrastar meus móveis, que os coloque no lugar, se sujar, limpe, se estragar, conserte.
Habite nele como a um morador zeloso, cuide de quem lhe deu abrigo.
Ah! Como eu gostaria que minha casa fosse uma obra inacabada.
Se assim o fosse, derrubaria, reformaria e nem um estrago ficaria.
Com pesar e olhos marejados descubro que quanto maior minha morada, maiores cuidados necessitarão e, quanto menor, mais difícil sua habitação.
Meu coração, minha morada, se não pequeno nem grande, mas do tamanho dos conflitos de minh’alma.
Meu coração, minha casa, meu enterro d’alma.

Weslley Marcelo Massako Negre
4 compartilhamentos
Tags: reflexão românticas

⁠Até porco-espinho faz amor.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: humor reflexão

⁠Sejamos tudo de bom que almejamos encontrar; somente assim, seremos uteis ao próximo, e por consequente, útil a sociedade.

Weslley Marcelo Massako Negre

⁠O mundo sempre terá um cheiro ruim se você tiver fezes no nariz.

Weslley Marcello Massako Negre
Tags: reflexão inteligentes

⁠A melhor forma de recarregar as energias é descarregar o celular.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: cotidiano reflexão

⁠Quem inventou o racismo?

Poderíamos navegar nas mais diversas teses estudadas e levantadas. Poderíamos citar nações que foram subjugadas, poderíamos acusar a má interpretação da teoria da evolução de Darwin, poderíamos dizer que é culpa da involução do homem como espécime, enfim. Várias serão as vertentes que nos levarão aos mais diversos apontamentos sem contudo, chegar a um consenso.
Mas, a resposta é simples. Quem inventou o racismo foi o mesmo ser que nos fez diferentes. Foi o mesmo ser que nos deu livre arbítrio para fazermos nossas escolhas, foi o mesmo ser que permite que pessoas tenham uma visão egoísta, totalmente centrada no eu. Foi o mesmo ser que instalou miséria para muitos e riquezas para poucos. Foi o mesmo ser que permite que boas pessoas sofram e que pessoas más de aproveitem dos prazeres terrenos.
Sim, foi Ele.
E por causa D'ele vivemos um momento em que vejo placas com dizeres: " vidas negras importam". Isso me levanta uma dúvida pois acreditava que a vida de todos é mais importante que sua cor? Tenho muito a aprender.
Se quem nos criou nos fizesse a imagem e semelhança de um único ser, creio que não teríamos problemas com o racismo, afinal todos seriam exatamente iguais.
Como não podemos culpar o criador, pelas mazelas que Ele permite que aconteça, culpamos aquilo que simboliza o que acreditamos ser o símbolo da opressão.
Neste caso recente, que foi um caso isolado, dentre tantos casos violentos que ocorreram no país no mesmo dia. pessoas com monocrática visão se manifestam provocando desordem, dano e espalhando a violência.
Interessante, pois como acreditar que alguém defenda a vida, prejudicando a vida de centenas ou milhares de pessoas?
Não há mérito na desgraça.
Quanto a criação se fossemos feitos pacíficos, não haveria guerras.
Se fossemos feitos honestos, não haveria desonestidade.
Se fossemos feitos humildes, não haveria arrogância.
Se fossemos feitos inteligentes, não haveria ninguém para levar a massa estulta à turba.
Se fossemos seres de luz, não viveríamos na escuridão.
Se você tem coragem se manifeste contra quem o criou. Lute contra ele. Pegue a plaquinha, coloque a bandeira na costa, ou queime ela. Quem sabe ele lhe dará uma resposta. Não, Ele não lhe dará satisfação, pois você na criação é como um nada, menos que um sopro.
Acredite você perante a criação é algo abaixo da linha do ridículo.
Mas, entendendo sua pequenez e não tendo coragem e nem condições, de Julgá-lo ou Criticá-lo, jogue a culpa em alguém, ou em algo. Isso também é prática comum do ser inteligente que se denomina humano. A gasolina está cara, queimem os postos, a comida está ruim, destrua os restaurantes, a vida não está boa, parta dessa. Quem sabe se com essa teoria de caos implantado você viva melhor?
Não concorda com a destruição? Então pare de se lamentar e ficar levantando bandeiras de ódio com interesses obscuros criados por alguém ou alguns.
Larga de ser burro e pare de ser manipulado, aprenda a pensar e pare de replicar. A poucos interessam o caos, e os interesses disfarçados em boas ações e bandeiras humanistas, ao final se transformam em interesses pessoais e capitais.
Lhe culpo, mais uma vez Oh Criador! Por que permitiste que inventássemos o dinheiro? A raiz de todos os males.
Mas, espere. Devagar. Eu estou errado, pois de acordo com as escrituras Deus falou conosco, e deu mandamentos para atingirmos uma vida plena.
E o segundo mandamento diz que você deve amar o próximo como a ti mesmo. Isso acabaria com o racismo. O quinto diz para não matar, isso acabaria com a violência. O sétimo diz para não roubar, isso traria paz e bem viver. O oitavo diz para não levantar falso testemunho, isso acabaria com a falsidade e muitos políticos.
Me perdoe senhor, pois agora o compreendo melhor, foi mal, desculpe aí.
Se não consigo sequer seguir seus mandamentos, como posso ser digno de sua graça.
Aqui esse ser desprezível, com vergonha se despede, mas, agora acreditando que a culpa é do outro, e não dele. Afinal, sou humano e tenho muito a melhorar.
PS: Essa é a desculpa.
Pense e reflita.
Paz e bem.
Ilumine seu dia.
Massako 🐢

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônicas inteligentes

⁠Pensar, tarefa difícil.

É atribuído a Aristóteles a frase: " O sábio nunca diz tudo que pensa, mas pensa sempre tudo o que diz."
Apesar de parecer uma frase hoje totalmente clichê, tal ação na prática, exige muita inovação e sabedoria, pois vivemos em um mundo, no qual somos bombardeados de informações diversas e, através destas informações, construímos nossas ideias e solidificamos ou não, alguns conceitos.
Em um mundo de replicadores de ideias alheias, pensar é um artigo de luxo. Pois o pensar é algo inovador, criativo e por vezes, libertador e perigoso.
Se fizermos uma reflexão e começarmos a analisar os nossos conceitos, sentiremos que alguns deles nos incomodarão, isso acontece porque a sociedade que nos cerca é dinâmica, e o nosso pensamento também. Porém, embora o pensamento seja algo dinâmico, o processar deste pensamento não é feito na mesma velocidade gerando muitas vezes, conflitos.
Hipoteticamente, imagine uma geração que cresça em um ambiente no qual comer açúcar é um absurdo. Ora, para essas pessoas, o pensamento uno, fortalece a coesão e a aceitação de que o açúcar, poderá lhe fazer mal. Mas, em determinado momento, começam a aparecer movimentos dizendo que comer açúcar é bom. Ora, no início haverá choques e conflitos, podendo este caminhar ou para o fim da ideia, ou para o surgimento de uma nova ideia e comportamento. Mas, lembre-se que toda vez que uma pessoa abraça uma bandeira, sempre haverá simpáticos a esta. Com a ideia de que o açúcar é bom, e ganhando simpatizantes de peso, a ideia se implantará e será com o tempo, natural que várias pessoas, comecem a comer açúcar. Ora, o que era abominação, passou a ser tolerável e posteriormente aceitável. Ou seja, houve uma mudança comportamental, tendo início no pensar de alguém.
E essas mudanças permeiam nossa história de vida, bem como o comportamento individual ante o social. Muitos hábitos e costumes sociais foram considerados naturais em determinadas épocas e execradas em outras. Como exemplo posso citar o trabalho escravo que foi algo comum a muitos povos e que hoje é combatido com veemência. Modinhas sociais como fazer uma tatuagem, era a algum tempo em nosso país, algo tido como símbolo da marginalidade, hoje é somente uma expressão, apesar de terem pessoas que adoram se expressar.
Mas, toda mudança de comportamento exige uma ideia em ação. E essa ideia, é criada, copiada e disseminada a seu tempo.
Enquanto isso, a sociedade, campo aonde essas ideias se fertilizarão, estará se adaptando as mudanças.
Essas mudanças sempre irão gerar conflitos, principalmente naquelas pessoas que não conseguem sentir os ventos das mudanças e, navegar por elas.
Não quero dizer que temos que a tudo aceitar, ao contrário, temos que a tudo questionar.
Mas, para questionarmos algo, temos que ter uma justificativa plausível na qual possamos nos apoiar. Essa justificativa, obrigará você a pensar. E pensando, você será capaz de abraçar ou levantar uma nova bandeira.
Buda diz que: "Somos o que pensamos. Tudo o que somos surge com nossos pensamentos. Com nossos pensamentos, fazemos o nosso mundo".
Agora reflita, se somos o que pensamos, mas apenas replicamos, logo não somos nada. Se tudo surge com nossos pensamentos, mas, vivemos sob o julgo dos pensamentos alheios, logo, vivemos uma vida que é mais do outro, do que nossa, ou seja, uma vida sem personalidade própria. Se com nossos pensamentos fazemos o mundo, mas, não pensamos, não criamos e a tudo copiamos, logo, não contribuímos e muito menos criamos um mundo novo e quiçá melhor.
Pense nisso.
Paz e bem.
Boa reflexão.
Ore a sua oração.
Seja luz.
Massako

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônica reflexão

⁠Simplifique a fórmula.

Nossa, fiz tanto, mas tanto, que não fiz nada.
Esse é o retrato de uma vida pequena, limitada em afazeres que poucos são seus e muito para os outros.
Se pararmos um momento para refletir sobre a vida, uma das coisas que não escapará é o pensamento de que o quanto é grande nossa vontade de viver e, quão próximos estamos da morte.
Pensamos em viver, mas vegetamos em um cotidiano que criamos para nós.
Uma dicotomia interessante que vivemos é que: Trabalhamos para nosso conforto. Ou seja, nossa vida está atrelada ao que fazemos dela e com ela. Olhando por esse prisma, as coisas não parecem ser tão simples assim. Mas, são.
Aprender a se satisfazer e entender suas reais necessidades, auxiliarão você a viver melhor consigo mesmo.
Se você quer algo, e aquilo irá lhe satisfazer, não é errado querer. O erro está em atropelar o processo para adquirir a coisa ou o bem. Por mais que algo lhe satisfaça, se você, por exemplo, entrar em uma dívida impagável, aquele objeto de satisfação lhe causará sofrimento financeiro, será que é correto? Seria como se você se destruísse para se satisfazer. O que não é certo.
Quanto a vida, neste ano, ficamos mais próximos da morte. Perdemos familiares, amigos, conhecidos. Diversas classe sociais e idades foram vitimadas, mostrando, a morte, uma ação heterogênea e equilibrada.
É fato que a morte nos cerca a todo momento, e nas mais variadas formas, mas, devido a pandemia, essa se tornou foco de acontecimentos e, pensamentos e reflexões sobre a vida.
Ora, a vida não pode ser mesquinha, não pode ser pequena, isso seria no mínimo, uma ofensa a si mesmo e a ela.
Mas, embora vivo, aonde posso encontrar o processo que me permitirá apreciar a vida? Resposta é simples, a vida está em todas as coisas, desde que você olhe com os olhos da vida.
Sem sentir, não há sentimentos.
Imaginemos que você acordou, levantou, tomou café de forma apressada e saiu correndo para trabalhar. Você apreciou a vida?
Se você acordou, agradeça, muitas pessoas morreram dormindo. Se você tem algo para alimentar , agradeça e saboreie o alimento que lhe sustentará, se você tem um trabalho e forças para trabalhar, faça dessa força o ânimo para uma boa jornada de trabalho.
Comece o dia como um ser vivo, não como uma máquina programada para repetir as mesmas ações como em uma linha de produção.
Simplifique sua vida, jogue os excessos emocionais fora, aprenda a valorizar as coisas que possui, aprenda a ser grato por suas conquistas. Faça das dificuldades a mola propulsora para lhe arremessar para o alto. Aprenda a ser feliz no ganho e a levantar a cabeça nas perdas. Você jamais será o dono da verdade, mas, cultive suas ideias e seus conceitos, se bons, viva-os.
A vida é simples, acredite nisso.
Ela se resume em dizer obrigado, e usar seus sentidos para apreciá-la.
Não basta olhar para uma flor e dizer que ela é bonita. Você tem que ser capaz de sentir a suavidade de suas pétalas, o seu perfume, aquecer seu coração em suas cores. Se for capaz de sentir isso, em uma flor, bem vindo a vida.
Lembre-se que a vida é finita, e que não temos controle do segundo seguinte, temos apenas, uma previsão ou na melhor das hipóteses, uma perspectiva. Sabendo disso, viva plena e grandiosamente. Como diria o filósofo: "A vida pode ser curta, mas, jamais deve ser pequena."
Pense nisso.
Ilumine seu dia.
Paz e bem.
Se hidrate.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônicas inteligentes

⁠Caminhe na luz, mas, não esqueça a lanterna.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: reflexão cotidiano

⁠O poder da oração. Nenhum.

Toda vez que fazemos uma oração, pedimos bênçãos e agradecemos a Deus por tuas obras e realizações feitas em nossa vida.
Mas, há uma falha nesse pensamento. A oração apenas busca fazer uma conexão de quem ora, com o divino, mas, na prática é um monólogo no qual você tenta ser um consultor de Deus, tenta dizer a Deus o que fazer.
Entenda que você é fruto do criador, ou seja, você é apenas uma ideia, logo, nada há o que pedir, implorar ou até mesmo agradecer, você é a ideia concretizada, assim sendo, tudo que você vier a receber neste plano, seja algo positivo ou negativo, é seu. Simples assim.
Imagine você preso em uma enchente, e a água começa a subir, se você não tiver como sair dessa situação, você irá morrer, e Deus, estará apenas observando, não é porque ele é sádico ou cruel, é porque você é somente uma ideia de sua criação, e ela pode ser apagada a qualquer momento.
Orações fervorosas não lhe afastarão o mal, ou qualquer infortúnio da vida. Agora, suas ações poderão retardar alguns infortúnios, é mais saudável ir na igreja do que frequentar um bar. Se presume menos problemas.
Da mesma forma, se você tiver alguma sorte na vida, como ganhar na loteria, não pense você, que é uma obra divina, isso acontece porque você jogou, e seus números foram sorteados, simples assim.
Se você se sente bem fazendo uma oração, ótimo. Mas, entenda, você é a criação, não é o criador.
Aprenda a ficar em silêncio ante seu criador, aprenda a respeitar e aceitar, tudo que for posto em seu caminho.
Não adianta culpar a Deus sobre alguma perda ou infortúnio. Temos esse hábito ruim. Da mesma forma, agradecemos pouco, e criticamos muito. Coisas da fraqueza humana.
Se você silenciar suas orações, começará a entender e aceitar os caminhos a serem trilhados por você.
Não estou dizendo que você não deva acreditar em Deus ou não deva tentar se conectar a Ele, ao contrário você deve sim acreditar e tentar se alinhar com o divino, e mais ainda, saber e compreender que Deus sabe o que faz e, que Ele opera em sua vida.
Compreenda que uma oração que busca apenas fazer com que Deus seja seu provedor particular de bênçãos, nada mais é do que você querer ser maior que o criador. Que Ele, seja seu empregado. Isso é no mínimo estranho e errado.
Se você pede algo a Deus, você está dizendo nas entrelinhas que a obra D'Ele pode ser melhorada, ou seja, que Deus não está fazendo bem seu papel para com você.
Por que você se acha merecedor de bênçãos que pede em silêncio? Ora, será que seu criador não sabe de suas necessidades?
Se você quer ficar próximo ao criador, peça em oração para que Ele te leve, ou faça o arrebatamento de sua pessoa. Mas, isso dificilmente pedimos.
Orações do tipo eu agradeço por A, mas, me dê o resto do alfabeto, e uma vida boa, tenha a certeza, não há valia alguma.
Pense nisso.
Reflita.
Ilumine seu dia.
Paz e bem.
Massako

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônicas inteligente

⁠Realidade ou ilusão.

O que acontece conosco, é em grande parte, oriundo das nossas próprias escolhas e decisões.
A realidade na qual estamos inseridos foi, em sua maioria, projetada por nós e por nossas próprias decisões há tempos.
Mas, como saber se a realidade projetada para um futuro, pode ser boa ou ruim?
A notícia boa é que se você trabalhar e se esforçar, com foco, disciplina e objetivos claros, você poderá atingir seu objetivo. A notícia ruim, é que embora você faça tudo certo, ainda existe uma pequena probabilidade de que nada dê certo. Mas, essa é a beleza do futuro que, embora possamos tentar traçá-lo, não saberemos jamais se concluiremos o seu desenho.
Poderia então classificar o futuro apenas como uma mera perspectiva, ou ilusão. A realidade, o momento que estamos vivenciando no presente, é o resultado da somatória das experiências já passadas, você está exatamente aonde você se colocou.
No presente, você pode fazer varias escolhas dentro de uma mesma ação, a exemplo: Imagine que você tenha que fazer uma tarefa doméstica, a partir daí você tem várias opções, você pode fazer, deixar de fazer, postergar, pedir para que alguém faça, pagar para alguém fazer, enfim. Mas, cada uma dessas ações terá um resultado, embora semelhantes, na prática, serão totalmente diferentes na ação final. E, é essa diferença que moldará o futuro.
Se de repente você hoje, descobre que seu momento não é bom, que você deve se movimentar para mudá-lo e, que o tempo está se esvaindo, entenda, que grande parte desses fracassos, foram determinados exclusivamente por você. Você chegou a esse ponto, mas, por algum motivo, se sente incomodado e urge mudanças.
Agora não se assuste se a inércia lhe tocar o corpo, mesmo depois desses insights, até porque foi sua estagnação, falta de decisão e medo de sair da zona de conforto, que lhe colocaram nesse presente. Assim, não será fácil mudar de atitude, e isso piora quando a idade avança. Quando você é jovem, você ainda terá várias escolhas e decisões a serem tomadas, mas, quando sua idade ultrapassa o número do seu calçado, lhe garanto que as perspectivas de futuro, já não são tão boas, embora possa havê-las.
Quem acredita que o futuro será lindo e maravilhoso, é um sonhador, é mera ilusão. Quem acredita que o futuro será desgraçadamente ruim, é um pessimista, um visionário de coisas ruins. Não devemos buscar enxergar o futuro, apenas trabalhar, dentro de nossas convicções, para que ele seja bom e nos atenda.
Talvez por isso digam que o futuro a Deus pertence. Mas, o que pensamos, o que projetamos, o que fazemos no presente, são ações nossas, com resultados que serão colhidos com suas benesses ou consequências em adendo.
Por fim, a ilusão transformou algo em realidade, pois foram nossas escolhas. A realidade, não transformou nada em ilusão, pois além de ser o resultado de nossas escolhas, essa tem uma pitada de intempéries. Explicando, a ilusão de ter um carro, pode lhe fazer você juntar dinheiro para adquirí-lo, depois de comprado, sua ilusão se transformou em realidade. Mas, no momento presente, você pode estar andando dentro do objeto de seus sonhos, e se envolver em um acidente, ou ser vítima de uma ação criminosa. Por isso, a realidade, não é capaz de sustentar a ilusão. Embora queiramos que assim o seja.
Lembre-se toda decisão, qualquer ação, falada, escrita, pensada, e na moda atual, postada. Terá consequências.
Pense nisso.
Ilumine seu ser.
Simplifique a vida.
Viva enquanto vivo e morra quando estiver morto.
Paz e luz.
Massako

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônicas inteligente

⁠A culpa é da palavra.

Não há nada mais apocalíptico do que o nascimento de uma palavra, para determinar possíveis males.
Me recordo quando na infância, carinhosamente era chamado aos berros pelos meus amigos por alguma alcunha ( Japão, japonês preto, índio) e, da mesma forma, retribuía aos apelidos, distribuindo outros.
Era comum, piadas sobre os diversos gêneros, raças, credos, nacionalidades, enfim.
Qual brasileiro nunca ouviu uma piada de português? Como também era comum, entre os meninos, a guerra de mamonas, o troca-tapas em algumas brincadeiras infantis como um tal de "garrafão". Era tapa para todo lado.
Mas, em determinado momento desta maravilhosa modernidade e evolução social, pessoas se sentindo ofendidas e, achando que esse comportamento era inadequado, fez gestar as palavras: bullying, estresse, depressão.
A partir daí, tudo ficou ofensivo e todos ficaram horrorizados com essas práticas. Destaca-se a hipocrisia do comportamento humano em detrimento a esses temas, como a mais pura qualidade do ser humano. Jornais, revistas, meios de comunicação. Denúncias das mais diversas saltaram ao alvorecer.
Bullyinólogos, estressólogos, depressólogos, mimissólogos. Todos empunhando uma bandeira contra essas ações, agora horrendas. Doentes gerando doença.
Que depressão, estresse, bullying podem levar a uma doença, tendo como resultado a morte, isso pode ocorrer. A exemplo, descobri a pouco tempo que o ovo, que também é um uma pequena parte, produto de amor dos galináceos, faz mal a saúde, parei de comer ovo, depois vi uma pesquisa na qual afirmava que o ovo faz bem, fiquei em dúvida, a dúvida gerou estresse, com medo de comer ou não, o ovo, se necessário ou não à minha saúde, fui parar no psicólogo, e após várias sessões, me encaminhou ao psiquiatra, que disse que eu estava depressivo, e me deu remédios. Graças a Deus, descobriram minha doença.
Falando em doença, que saudade de ouvir a simples palavra: "Virose, é só uma virose". Ou seja, toca o carro, se estragar a gente tenta consertar.
Hoje queremos ter um diagnóstico, um nome. Saímos felizes quando temos um nome de qualquer enfermidade. Eureka, #seiminhadoença.
E falando em eureka, descobriram a pouco que tem um vírus no Brasil desde novembro do ano passado. E que talvez, ele esteja há mais tempo aqui é há mais tempo ainda em outros países. Mas, aí veio alguém, o batizou e disse, você se chamará CORONA VIRUS, ou COVID-19, pronto, armou-se o caos.
Embora Deus no Velho Testamento condene a estultícia, a ignorância as vezes pode ser uma benção.
Pense e reflita.
Paz e bem.
Ilumine seu dia.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônica reflexão


Não há nada mais apocalíptico do que o nascimento de uma palavra, para determinar possíveis males.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: reflexão cotidiano

⁠A realidade é simples. Mas, nossos preconceitos cultivados e verdades copiadas, nos cegam.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: reflexão cotidiano

⁠Se não houvesse o amanhã?

Imagine se você descobrisse que para você, não haverá um amanhã. Como você reagiria?
Embora já tenhamos ouvido esse tipo de pergunta, nossa reflexão sobre ela normalmente é bem rasa.
Isso se dá porque acreditamos que o dia de amanhã virá, e que nada irá parar esse processo. Sentimo-nos quase que imortais, mesmo que a idade pese sobre nossos ombros. Não gostamos de pensar sobre isso, embora a vida seja uma caixinha de surpresas.
Mas, penso também que não gostamos de pensar sobre isso, pelo simples fato de que grande parte da vida é desperdiçada com futilidades, e nem sempre é aproveitada em sua plenitude. E não gostamos de ser confrontados nesse aspecto.
Vivemos em busca de coisas, não de vida.
Construímos coisas, mas, destruímos laços. Perseguimos sonhos, mas, desprezamos a realidade.
Queremos possuir tudo, mas, não levaremos nada.
Não quero que pense que devemos ser levianos, a ponto de abandonarmos tudo e sairmos pelo mundo, abraçando a tudo e a todos , isso também, seria talvez uma irresponsabilidade, a questão não é essa. O desafio é, será que é possível eu ter e ser ao mesmo tempo?
Quantas horas de nossa vida, desperdiçamos destilando veneno? Depois, quanto tempo gastaremos para simplesmente, retirar esse veneno, que nos mesmos ingerimos?
A vida é uma dádiva, qualquer que seja ela. Evolução não é sobre bens, posse, poder. É sobre o quanto o seu ser cresce, e evolui como ser humano.
Que é necessário trabalhar e construir uma vida digna, isso é fato, mas, não podemos nos perder nesse caminho.
Amar, abraçar, viver a vida, realizar seus mimos, derrubar os preconceitos, analisar seus conceitos e suas verdades, se adaptar ao novo, tudo isso faz parte da vida.
Temos pés e não raízes, ou seja, nos temos mobilidade para poder fazer as coisas acontecerem.
Não deixe que no final, só lhe sobre arrependimentos pelo que poderia ter feito ou pelas coisas que fez de errado e não deu tempo para reconciliar.
Antes tenha a certeza, que teve uma vida, repleta de vida.
Como diria uma frase atribuída ao imperador romano Júlio César: Veni, vidi, vice. Que significa: Vim, vi e venci. Pergunto, você veio, você viu, mas, será que você é um vencedor?
Pense nisso. Vença suas fraquezas, se liberte de seus conceitos.
Mude seu comportamento para melhor.
Reflita.
Paz e bem.
Seja luz.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônicas inteligente

As pessoas são para nós, aquilo que pensamos sobre elas.⁠

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônicas inteligente

⁠Filtre seus pensamentos.

Todos nós sabemos que nossos pensamentos refletem muito em nosso comportamento.
Somos seres psicossomáticos, atraimos, acumulamos e distribuímos energias, sejam elas boas ou ruins. E essas energias, afetam todo nosso corpo.
Muitas pessoas tentando melhorar seus padrões mentais e seus comportamentos, se entregam a práticas diversas, como por exemplo: a religião (que significa religar) a meditação, e outras práticas e exercícios visando o bem estar físico-mental.
Essas práticas, independentemente da escolhida, tem seus pilares, sustentado na crença, na força, e no autossacrificio. Na prática isso quer dizer que seremos tentados e que teremos que ser disciplinados.
Ora, nosso padrão de comportamento vem sendo cultivado a anos, demoramos muito tempo para chegar ao estágio em que nos encontramos e, mudar nossa forma de pensar e agir, não será tarefa fácil.
Se quisermos mudar nosso comportamento, teremos que passar por uma análise profunda de nós mesmo, e fazer uma autorreflexão, buscando após, fazer uma limpeza em nossos padrões mentais.
Agora, de nada adiantará se após uma oração, eu sair xingando todo mundo.
Lembre-se, se as coisas em sua volta estão ruins, se você tem maus pensamentos a cerca das coisas e das pessoas em sua volta, o problema certamente estará em você.
Compare seu corpo e seus padrões mentais, como uma xícara, na qual você colocará o chá. Se você ir colocando sem parar, irá derramar. Isso quer dizer que você estará cheio das coisas e nada mais lhe caberá, e com certeza, esse processo irá lhe causar no mínimo ansiedade e estresse, você estará sob muita carga e pressão.
Em outra ponta, se você esvaziar sua xícara, você ficará vazio, sem conteúdo, e sem perspectiva, a vida que lhe foi dada não terá significado, lembre-se que uma xícara sem nada, sem nenhum conteúdo não tem finalidade.
Agora se você vive no processo de esvaziar e completar sua xícara, cuidado com o tipo de chá que coloca nela. Afinal, ali estará o sabor que agradará ou não a sua vida.
Pense nisso.
Mude seu comportamento para melhor.
Reflita.
Paz e bem.
Seja luz.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônicas inteligente

Somos prisioneiros da liberdade que construímos.

Weslley Marcelo Massako Negre

Positividade e clareza.

Muitas vezes enfrentamos situações em que não sabemos o que vem depois. Ficamos completamente perdidos e, quando buscamos os conselhos de nossos pais e de nossos amigos, estes normalmente pedem para termos confiança, sermos positivos, acreditarmos, termos fé. Mas, como posso ter confiança, ser positivo, acreditar ou ter fé, se o algo pelo que estou sofrendo, ainda está em andamento, está para acontecer? Nessa altura, ter coerência parece ter mais importância que ser positivo.
Mas, a positividade ou clareza, sem a coerência, será um desastre.
Se você não consegue ver claramente, você ficará hesitante. Se você vê claramente, você estará confiante, entrará sem medo, mas, mesmo assim, algo poderá lhe escapar, pois você não sabe o que vem no seu caminho.
Aqui vai uma dica, não se trata de ser positivo ou negativo o importante nesse momento é não se preocupar com que a vida vai lhe render.
O que ela lhe dará, dependerá de muitos aspectos e no final, não importa, pois de tudo, nada levaremos. Você poderá se tornar alguém importante ou um despercebido social, e daí, ninguém se importa com isso, pois ao final, os ossos se misturam.
Quando você tiver a clareza que a sua vida deve ser aprimorada neste atual momento, você descobrirá que algo lindo surgirá dela e se tornará um ser mais positivo.
Há ninguém é dado o poder de ver o futuro, e se pudesse, qual graça haveria. Se você já soubesse o que lhe aguarda no final de sua vida, você poderia já, morrer hoje.
A maravilha da vida está em não sabermos o próximo passo, o que irá acontecer.
Trabalhe hoje, mas, não queira ser o manipulador do amanhã, pois você não conseguirá.
Não tente adivinhar sua vida, apenas trabalhe para construí-la, lembre-se de que o amanhã ainda não existe.
Aprenda a lidar com o agora, saboreie a vida, viva o hoje, você está aqui para viver e não evitar a vida.
Se você tem medo do amanhã que ainda não existe, e das coisas que poderão acontecer, isso só acontece porque você já determinou em seus pensamentos o que irá acontecer. A pergunta é, por que você está pensando no que poderá acontecer, e não está vivendo o agora?
Ao viver nas incertezas do amanhã só criaremos ansiedade e angústia por algo que não controlamos.
Se você se dedicar ao hoje, enxergar com clareza os problemas de hoje, tomar ações para que elas aconteçam, ainda assim, muitas delas se desdobrarão no possivel amanhã. Então não sofra.
Ser positivo significa antes de tudo, entender o processo, vê-lo com clareza, compreender que devemos trabalhar da melhor maneira a nossa parte, e deixar o amanhã para o amanhã, pois como disse, o amanhã não existe.
Pense nisso.
Ilumine seu dia.
Seja luz.
Paz e bem.

Weslley Marcelo Massako Negre
Tags: crônicas inteligente