Carolina Maria de Jesus

Cerca de 18 frases e pensamentos: Carolina Maria de Jesus

(...) quando percebi que eu sou poetisa fiquei triste porque o excesso de
imaginação era demasiado. -Diário de Bitita (1986).

Carolina Maria de Jesus
Inserida por operseguido
1 compartilhamento

Lá no interior eu era mais feliz, tinha paz
mental. Gozava a vida e não tinha nenhuma enfermidade. E aqui em
São Paulo, eu sou poetisa!

Carolina Maria de Jesus
Inserida por operseguido
1 compartilhamento

Poeta, por que choras?
Que triste melancolia.
É que minh’alma ignora
O esplendor da alegria.
Este sorriso que em mim emana,
A minha própria alma engana

Carolina Maria de Jesus
Inserida por operseguido
1 compartilhamento

Poeta, em que medita?
Por que vives triste assim?
É que eu a acho bonita
E você não gosta de mim.
Poeta, tua alma é nobre
És triste, o que o desgosta?
Amo-a. Mas sou tão pobre
E dos pobres ninguém gosta.


Poeta, fita o espaço
E deixa de meditar.
É que... eu quero um abraço
E você persiste em negar.
Poeta, está triste eu vejo
Por que cisma tanto assim?
Queria apenas um beijo
Não deu, não gosta de mim.
Poeta!
Não queixas suas aflições
Aos que vivem em ricas vivendas
Não lhe darão atenções
Sofrimentos, para eles, são lendas.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por operseguido
1 compartilhamento

Deus não muda, é sempre verdade é sempre justiça, seu amor é perfeito e não acaba.. jamais.

Ana Carolina Sá
Inserida por anacarolinarsa
1 compartilhamento

Não digam que fui rebotalho,
que vivi à margem da vida.
Digam que eu procurava trabalho,
mas fui sempre preterida.
Digam ao povo brasileiro
que meu sonho era ser escritora,
mas eu não tinha dinheiro
para pagar uma editora.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Em 1948, quando começaram a demolir as casas térreas para construir os edifícios, nós, os pobres que residíamos nas habitações coletivas, fomos despejados e ficamos residindo debaixo das pontes. É por isso que eu denomino que a favela é o quarto de despejo de uma cidade. Nós, os pobres, somos os trastes velhos.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Quando eu vou na cidade tenho a impressão de que estou no paraíso. Acho sublime ver aquelas mulheres e crianças tão bem vestidas. Tão diferentes da favela. As casas com seus vasos de flores e cores variadas. Aquelas paisagens há de encantar os visitantes de São Paulo, que ignoram que a cidade mais afamada da América do Sul está enferma. Com as suas úlceras. As favelas.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Escrevo a miséria e a vida infausta dos favelados. Eu era revoltada, não acreditava em ninguém. Odiava os políticos e os patrões, porque o meu sonho era escrever e o pobre não pode ter ideal nobre. Eu sabia que ia angariar inimigos, porque ninguém está habituado a esse tipo de literatura. Seja o que Deus quiser. Eu escrevi a realidade.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Antigamente o que oprimia o homem era a palavra calvário; hoje é salário.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

O maior espetáculo do pobre da atualidade é comer.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

As crianças ricas brincam nos jardins com seus brinquedos prediletos. E as crianças pobres acompanham as mães a pedirem esmolas pelas ruas. Que desigualdades tragicas e que brincadeira do destino.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Eu cato papel, mas não gosto. Então eu penso: Faz de conta que eu estou sonhando.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Eu classifico São Paulo assim: O Palácio é a sala de visita. A Prefeitura é a sala de jantar e a cidade é o jardim. E a favela é o quintal onde jogam os lixos.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Tem pessoas que, aos sábados, vão dançar. Eu não danço. Acho bobagem ficar rodando pra aqui, pra ali. Eu já rodo tanto para arranjar dinheiro para comer.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

A tontura da fome é pior do que a do álcool. A tontura do álcool nos impele a cantar. Mas a da fome nos faz tremer. Percebi que é horrível ter só ar dentro do estômago.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Temos só um jeito de nascer e muitos de morrer.

Carolina Maria de Jesus
Inserida por pensador

Quando Jesus disse para as mulheres de Jerusalém ___ Não chores por mim. Chorae por vós ___ suas palavras profetisava o governo do Senhor Juscelino. Penado de agruras para o povo brasileiro. Penado que o pobre há de comer o que encontrar no lixo ou então dormir com fome. Você já viu um cão quando quer segurar a cauda com a boca e fica rodando sem pegá-la ? É igual o governo Juscelino !

CAROLINA MARIA DE JESUS ( ESCRITORA ) em "quarto de despejo"...
Inserida por RITAMENINAFLOR
1 compartilhamento