Bodas de Cera

Cerca de 105 frases e pensamentos: Bodas de Cera

Só o cinismo redime um casamento. É preciso muito cinismo para que um casal chegue às bodas de prata.

Nelson Rodrigues
789 compartilhamentos

É o mesmo sol que derrete a cera e seca a argila.

Antoine de Saint-Exupéry
494 compartilhamentos

Os lugares-comuns, as frases feitas, os bordões, os narizes-de-cera, as sentenças de almanaque, os rifões e provérbios, tudo pode aparecer como novidade, a questão está só em saber manejar adequadamente as palavras que estejam antes e depois.

José Saramago
141 compartilhamentos

O fogo que na branda cera ardia

O fogo que na branda cera ardia,
Vendo o rosto gentil que na alma vejo.
Se acendeu de outro fogo do desejo,
Por alcançar a luz que vence o dia.

Como de dois ardores se incendia,
Da grande impaciência fez despejo,
E, remetendo com furor sobejo,
Vos foi beijar na parte onde se via.

Ditosa aquela flama, que se atreve
Apagar seus ardores e tormentos
Na vista do que o mundo tremer deve!

Namoram-se, Senhora, os Elementos
De vós, e queima o fogo aquela nave
Que queima corações e pensamentos.

Luís de Camões
151 compartilhamentos

Nas bodas de prata
retornando à terra natal -
flor de laranjeira!

Teruko Oda
2 compartilhamentos

Assim como a cera, naturalmente dura e rígida, torna-se, com um pouco de calor tão moldável que se pode levá-la a tomar a forma que se desejar, também se pode, com um pouco de cortesia e amabilidade, conquistar os obstinados o os hostis.

Arthur Schopenhauer
43 compartilhamentos

É evidente que você vende candidatos políticos da mesma forma que sabão ou cera ou o que for, porque, no fundo, essa é a única forma que qualquer coisa é vendida.

Sid Bernstein

A polidez é para o homem o que o calor é para a cera.

Arthur Schopenhauer
Inserida por DavidFrancisco

Um pequeno segredo de longevidade no casamento: Namorar todos os dias, o namoro é a fonte de energia para um casamento eterno.

Casamento matrimônio Casal Bodas Namoro Longevidade Energia Eterno
107 compartilhamentos

Conto de fadas feminista

Era uma vez um casal que fazia bodas de prata e estava também celebrando seus 60 anos de idade.
Durante a celebração, apareceu uma fada e lhes disse:

- Como prêmio por terem sido um casal exemplar durante 25 anos, concederei um desejo a cada um de vocês!

- Quero fazer uma viagem ao redor do mundo com o meu querido marido! - pediu a mulher.

A fada moveu a varinha e... zas! As passagens apareceram nas mãos da senhora.
Em seguida foi a vez do marido. Ele pensou um momento e disse:

- Bem, esse clima está muito romântico, mas uma chance dessas só se tem uma vez na vida. Então... Bom, desculpe, benzinho - disse, olhando para a esposa - mas meu desejo é ter uma mulher trinta anos mais jovem do que eu!

A mulher fica chocada, mas pedido é pedido: a fada faz um circulo com a varinha e... zas!
O homem ficou com 90 anos!

Moral da história:
Todos os homens são sacanas, mas as fadas madrinhas são mulheres!

Camila Ortiz
290 compartilhamentos

O calor do sol tanto endurece o barro, como amolece a cera, pela mesma ação. Meu silêncio pode causar felicidade ou mal-estar; depende de teu coração!..

Advonssir Teixeira
12 compartilhamentos

primeira infância
o cheiro inesquecível
do giz de cera

Rogério Viana
7 compartilhamentos

"Miolo de pão"

"Um casal tomava café no dia das suas bodas de ouro. A mulher passou a manteiga na casca do pão e deu para o seu marido, ficando com o miolo.
Pensou ela: -Sempre quis comer a melhor parte do pão, mas como amo demais meu marido e, por 50 anos, sempre lhe dei o miolo. Mas hoje quis satisfazer o meu desejo.
Para sua imediata surpresa, o rosto do marido abriu-se num sorriso sem fim e ele lhe disse:
-Muito obrigado por este presente, meu amor. Durante 50 anos, sempre quis comer a casca do pão, mas como você sempre gostou tanto dela, eu jamais ousei pedir!"


Assim é a vida... Muitas vezes nosso julgamento sobre a felicidade alheia pode ser responsável pela nossa infelicidade... Diálogo, franqueza, com delicadeza sempre, são o melhor remédio!!!

Pense bem sobre isso!

Desconhecido
81 compartilhamentos

Sempre fui o tipo de menina sonhadora. Aquela que assistia mil vezes cada um dos contos de fadas, usava os velhos vestidos da mãe para se vestir de princesa e criava um mundo de "faz de conta" na cabeça. Uma criança que vivia no mundo da lua, no mundo dos sonhos, da imaginação... Cresci, e continuei igual. Eu queria tanto, mais tanto, um casamento lindo e perfeito com tudo que tinha direito, inclusive, é claro, um príncipe para chamar de meu. Eu idealizei esse dia. Idealizei o casamento, a vida toda. E idealizava o príncipe também, perfeito, como nos contos de fadas. Pois nos contos o príncipe só vem para trazer a felicidade eterna. Hoje, faz UM ANO que estou casada. Bodas de papel. O dia oito de Junho foi inesquecível, um momento mágico para sempre. A realização de um sonho, a concretização de um momento ansiosamente esperado por quase todos os dias da minha vida. Lembro desse dia com emoção e com gratidão, por Deus ter me permitido vivê-lo. Pois bem, mais disso tudo, acho que todos já sabem. A pergunta que escuto quase todos os dias desde que casei é: "E ai? Como está a vida de casada?" É claro que nessas horas, eu resumo com um simples "vai bem". Mais a verdade é que em um ano, já tenho muito a dizer. A primeira é: Não, não é um conto de fadas. E também não, meu marido não é nenhum príncipe e nem consegui o meu "Felizes para sempre". Muitos dizem que o primeiro ano de casamento é uma constante lua de mel. Mais na realidade eu acredito que seja um dos mais difíceis. É difícil aprender a conviver com os defeitos e diferenças a cada dia, é difícil entrar em acordo com tudo que o outro decide, fala, pensa... E é difícil se acostumar com os problemas, responsabilidades e dificuldades que essa nova realidade traz. Mais é exatamente por não ser fácil, que é tão importante. Foi neste primeiro ano que vimos que precisamos um do outro para caminhar e para sermos felizes, que precisamos saber ouvir, nos calar muitas vezes, baixar a guarda, entender e aceitar as diferenças, respeitar as fraquezas, abrir mão de algumas coisas, aprender a gostar de outras... É como um barco, os dois tem que remar, sempre. Só assim o barco vai em frente. Em um ano, aprendemos o verdadeiro significado de amor. Amor não é gostar de alguém perfeito para nós. Não é ter alguém que te agrade sempre. Amar é quando conhecemos os piores defeitos de alguém, e mesmo assim queremos estar juntos. Amor é cuidado, é respeito, é construção. Uma construção que precisa de uma base forte e bem feita, bem trabalhada. Relaciono essa base a esse primeiro ano. Eu poderia escrever aqui um texto perfeito relatando só coisas boas e maravilhosas. Mais preferi descrever a verdade. A verdade é que tivemos momentos lindos e felizes, de alegrias, sorrisos e diversão. Passeamos, viajamos, fomos ao cinema, dormimos agarradinhos, comemos muito brigadeiro e pipoca na cama assistindo tv, brincamos, conversamos, desabafamos... Mas também choramos, discutimos, gritamos, discordamos.... Enfim, uma vida real, de um casal real, com protagonistas reais.

Nathalia Andrade
11 compartilhamentos

Mas dê um tempo pra que seu imenso vazio
seja tomado pela vontade de criar e viver

Boneca de Cera - letra de Edgard ScandurraIra!

"Precisamos tirar a cera de ouvido da nossa consciência espiritual."

Argeu Ribeiro

Usar um giz de cera branco numa folha branca é como amar e não ser correspondido. Marca, mas será sempre invisível

Guilherme Esteves
Inserida por guilhermesteves

Que ao fim, eu, você, nós, sejamos lembrados, não pelas bodas de prata ou ouro. Nem pelos anos dispensados um ao outro, mas sim pela intensidade do amor que nos uniu.

Leandro M. Cortes
2 compartilhamentos

Fazemos hoje 11 anos de casados que, tradicionalmente, são chamadas as Bodas de Aço.
Se quisermos definir a palavra, o Aço é uma liga metálica formada essencialmente por ferro e carbono(com tantos pontos comuns e diferentes como vc e eu) que se distingue pela sua ductilidade. Um material dúctil é aquele que se deforma sob tensão. Tal como o ouro, o cobre e o alumínio, o Aço também é muito dúctil. O oposto de dúctil é um material frágil, com pouca capacidade de se dobrar/deformar, quebrando-se com muita facilidade.
Assim está perfeitamente explicada a denominação, pois ao fim de 10 anos dobramos, vergamos, esticamos, sofremos incríveis pressões e, no entanto, nunca quebramos pois somos tudo menos frágeis!!! Fazemos, sem dúvida uma grande.."liga"

Para o bem e para o mal cá estamos, ligados e firmes como uma barra da aço, rsrsr
Obrigada pelo bom e pelo mau, sem o qual nunca daríamos valor às coisas boas!
Obrigada pela cumplicidade, compreensão, carinho, pelos sonhos, loucura...
Obrigada por te "fundires" comigo!
Obrigada por existir! e por sempre me dar amor incondicional!
Tua, desde sempre e para sempre, sem que nem sequer a morte nos separe! ;))))
E que venham os próximos 11 Anos..

Olinda Oliveira
2 compartilhamentos

Amar de verdade é ter a impressão de comemorar bodas todos os dias.

Rafael Estevan
Inserida por RafaelEstevan