Vanderlei Muniz

Encontrados 18 pensamentos de Vanderlei Muniz

FANTOCHES

Eu quero espaço
Senão o faço;
Traço,
Me amasso e passo!

É preciso espaço hoje e amanhã,
É preciso o jardim na praça.
E ruas com “flamboyant”.
É preciso gente com raça

Que abraça,
Que traça,
Que enlaça.

Quero espaço vital
Sem limite, sem fronteira,
Sem muro, sem porteira,
E com um vasto quintal.

Quero sair da algema,
Enfrentar o problema,
Ter a consciência limpa ao dormir,
Encarar qualquer drama.

Quero espaço na vida
Sem olhos a me seguir,
Andando a pé na avenida
Com direção de ir e vir.

Quero escrever um livro
Encucando o poder e o povo,
E se cortarem no crivo
Quero começar de novo.

Quero ativar os pés
Do peregrino cansado,
Fazê-lo ter fé novamente,
Para atender todo chamado.

Quero espaço pra acordar
A consciência que dorme,
Pôr as trombetas a tocar
Para que não se conforme.

Quero olhos e ouvidos abertos
- Um microfone com bom som –
E que a massa chegue bem perto
Para o brado de libertação.

Quero espaço para a odisseia,
Esclarecimentos pelo ar.
Humilhante não é mudar de ideia,
Humilhante é não ter idéias para mudar!

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz
1 compartilhamento

A MÍDIA

A mídia manipulada pela elite,
iludem pessoas a assistir,
programas de conteúdo duvidoso,
diminuindo assim o seu Q.I.

Enquanto você fica em frente a TV,
Olhando homens e mulheres rebolando,
Curtindo toda essa cultura banal,
Falsos líderes estão te enrolando.

Dizem que o que fazem, Está dentro da lei.
E você é convencido a acreditar,
Só que de hipocrisia eu já cansei,
Não podemos mais nos calar,

Mentes "espertas" controlam sua vida,
E de todas as formas manipulam você
Porque tornou-se tão alienado,
Que não consegue perceber.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

Anjos da Guerra

Ferir alguém é ruim,
E o que os espera de certo não é a paz,
Um dia isso virá,
Do céu ou por terra.

Humanos ou anjos,
Ou quem quiser pensar,
No amor, na paz, outra vez.

Histórias são o que eu ouço mais,
E assim me dizem que querem paz,
Corpos sobre corpos valem mais.

E o pior que sentir essa dor,
É ouvir vozes, que ecoam, da terra,
Não choram mais,
Acham que tanto faz,
Ter que fugir da morte,
Ser forte enfim.

Não choram mais,
Acham que tanto faz,
vestirem-se de anjos,
Anjos do fim.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

VIVA A VIDA

Vida que te quero viva, vida que vivo todo dia...
Talvez um dia..., vida que vivo a minha;
vida prospera vida livre, não a vida que é dos outros;
vida que eu não entendo, vida que não é minha, não sinto!

Vida minha de aprendizado infinito;
melhorando a cada dia, aperfeiçoando meu ser.
Vida dura, vida longa é a vida do meu sofrer;
purificando, evoluindo toda essência do meu ser;
Vivo à custa do que sou um dia hei de morrer;

Vida nossa, vida sua, só você pode escrever;
Vida de tantos caminhos, tantas jornadas enfim;
Vida que vivo sozinho, ou com alguém junto a mim;
Vida de hoje, melhor que ontem, pior que amanhã;
Eu vivo a minha vida.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

ALMA NÃO TEM COR

Alma branca
Alma negra
Qual alma será a tua
Mas se alma não tem cor
Com qual se compactua
Alma negra, Alma branca
Lá no céu ou lá na rua
Toda essência da matéria
É o sentimento que inclua
O vermelho de um corpo
Que irriga as fontes suas.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

Guarulhos, minha cidade.
Aqui cresci, nas ruas empoeiradas,
Ou em tempestuosas chuvadas e ruas enlameadas,
Em brincadeiras despreocupadas,
E nos sonhos de menino, construí o meu destino.

Vislumbro com o cair da noite, as pessoas e as andanças,
O ar que ainda exala o perfume da esperança.
E às árvores recurvadas na Serra da Cantareira,
Em visitas com os amigos,
Apreciei tanta beleza,
Que jamais caberia na imaginação de um antigo.

Em 8 de dezembro de 1560, Guaru "indivíduo que come",
índios barrigudos, segundo a língua tupi, pelo Padre Jesuíta Manuel de Paiva.
Nascestes Guarulhos, de Nossa Senhora da Conceição.

Da minha cidade nasce o norte ladeirento,
indócil e o sol, quando chega, penetra-a delicadamente,
carinhosamente, depois de vencido o nevoeiro...

Ao sul do Tietê, a oeste o Cabuçu...
Sua riqueza primeira, de ouro e mineração.
As minas foram descobertas,
segundo Afonso Sardinha, a denominação ,
o progresso então chegou e a Maria Fumaça, que passa com a produção...

Em 1915, os atos da Câmara já diziam,
contra o desmatamento,
a implementação do esgoto,
a poluição da água,
o abastecimento.

Três autoestradas chegaram, a população superou 1 milhão,
Quanta magnitude, mais educação, mais emprego e mais saúde;
o aeroporto, o progresso agregou-se, quem preocupou-se?
E a questão ambiental, mercantilizou-se?

Tornou-se uma cidade importante,
onde a paisagem verticalizou-se em torres de concreto, tão de perto.

E ainda temos o viaduto “Cidade de Guarulhos”,
refletindo por um momento, tornou-se um importante monumento.

Minha cidade é linda...
Tem suaves montanhas.
O amanhecer é sorridente,
qualquer alma doente se cura com as nascentes.

No passado bastaria lançar os olhos ao horizonte...
E com familiaridade e doce intimidade,
a natureza de pertinho nos blindava a mocidade.

Ter olhos sagazes no presente, ao ser...
Para ir reconstruindo todas as belezas,
É preciso ter visto antes, para reconhecer.

Crescidos, estamos eu e essa grande metrópole,
Hoje ainda observo o espetáculo do por-do-sol,
Que brilha no céu, tornando-o mais azul, mas não vejo o horizonte,
Do clima a transformação, avisto a poluição.

Essa cidade de todos,
os direitos e os deveres,
os versos e adversos,
te amo minha metrópole,
Guarulhos cidade progresso.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz
1 compartilhamento

Acumular conhecimento não torna uma pessoa melhor, mas sim as ações praticadas através do discernimento de todo conhecimento acumulado é que irão mostrar se a pessoa tornou-se melhor.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

O Inverno D'alma

Já perceberam que as nossas vidas são parecidas com as árvores, que vivem diferentes estações? Já percebeu que não podemos fugir delas? Temos que vivê-las, por mais triste que pareçam... No inverno as folhas murcham e caem completamente, os frutos não existem mais... As rajadas de vento derrubam as folhas secas e os galhos fracos e quebrados. Talvez nos pareça ser a estação mais triste do ano...
Então, recordamos das muitas vezes que Deus tem permitido que nossas vidas sejam sacudidas e golpeadas pelos vendavais, nos agitando e sacudindo para lançar fora as coisas inúteis. Parece ser uma grande perda, mas é o modo de Deus lançar fora de nossas vidas todo galho seco e fraco que já não nos serve mais.
Nos invernos de nossas vidas, nossos sonhos parecem não se realizar, nossas vontades parecem que não são as vontades de Deus e tudo nos remete a desconsolos e desesperanças. Muitos se perdem em invernos fortes, principalmente quando a neve cai para impedir que busquemos caminhos diferentes. Quando deixamos o nosso “eu” morrer é que renascemos para novas vidas e sentimos realmente o poder celeste.
Neste tempo em que vivemos O NOSSO INVERNO, tudo o que precisamos e temos que fazer é ESPERAR, tendo esperança na próxima estação que virá. Quando a primavera chegar, as árvores e a natureza sofrerão grandes transformações, voltando a dar lindas flores e frutos. Nós poderemos tocar nas flores, comer os frutos e desfrutar da nossa espera, vivendo a ação das promessas Divinas.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz
1 compartilhamento

Quanto mais emanarmos energia negativa para as pessoas difíceis, mais difíceis elas se tornarão.​

Vanderlei Muniz

Mesmo que seja uma utopia, o combustível para a vida é a
nossa fé em busca da verdade absoluta. Assim, a solidão
acolhe o silêncio, e o mergulho ao nosso interior passa
a ser a mais fantástica viagem que fazemos nessa busca.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

Use as pedras do caminho para construir pontes, não muros.

Vanderlei Muniz

Ser idealista

É ostentar ensejos que ultrapassam o Ego.
Admitindo e lutando pelo que legitimamente acredita-se,
é ser conduzido pelo coração , pela paixão , pelo incontrolável clamor
do espírito norteado por inspiração divina, demonstrando coerência
entre as suas ações e os discursos ideológicos que defende,
em todos os feitios da sua existência . Necessariamente se alicerçando
com conhecimento dentro do seu mundo pessoal e dos princípios que os
guia , para depois sair à luta consciente dos objetivos a serem conquistados,
livres de interesses pessoais , emocionais , religiosos , políticos e sociais .
Norteando-se pelos princípios éticos e morais. Sem importar-se sobre o
julgamento alheio, afim de desviar-se das causas mercantis , e enfrentar
com coragem a oposição e suportar o tempo para que os cínicos sejam
desmascarados. Encontrar-se-á sempre ligado aos desígnios superiores
e não aos poderes constituídos pelo Homem.
Sensibilizado pela realidade que o cerca, o idealista sente compaixão por
qualquer injustiçado em qualquer parte do mundo, Ele escolhe estar ao
lado dos mais fracos por opção e não por analogia de vivências ou
identificações concretas com o problema. Mas mesmo estando do
lado de quem sofre , jamais seria parcial com os que não sofrem ,
pelo simples fato de que a Justiça está acima de qualquer lado .
Abaliza os vários pontos de vista de forma complexa , sem sectarismo ,
sem dogmas , sem preconceitos . Polemiza qualquer discussão para
abranger todos os ângulos da questão .
O idealista é o que é, não se importa em ser ou não ser aceito, pois
não se apega a estereótipos. Fala o que pensa com espontaneidade,
“abre a ferida”para que de fato possa ser curada, por isso todo idealista surpreende,
incomoda e muita vez assusta. O Idealista padece muito uma vez que,
não podendo modificar o mundo, sente-se desarticulado, vivendo
forçado em um mundo que não aceita. Por isso muitos idealistas
tornam-se alcoólatras, quando não, drogados. Partindo dessa
conjetura é preferível ser um idealista focado dentro do campo
da realidade, viver entorpecido apenas pelo desejo de justiça,
e assim passar mais tempo lutando pela causa, pois sua vida, já não é mais unicamente sua.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz
1 compartilhamento

Os bons carecem de toda convicção, enquanto os maus estão intensamente apaixonados.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

Não falta amor. A questão maior é que confundimos "amor" com "perfeição". Só que o "amor perfeito" escolheu ser Deus.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

A resiliência é a maior riqueza, na vida daqueles que sabem que só levarão daqui os bens espirituais.

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

Sonhar é preciso, lutar é imprescindível...

Vanderlei Muniz

Sobre músicas e poesias...
Sapiência aflorada;
Já ouvi MPB, rock, reggae;
Samba e sertanejo raiz;
Poesia declarada;
Tudo que a “letra” diz;
Já curti o movimento Punk;
Ouvi Rap, Racionais;
Letras “pesadas” mente aberta,
Tudo mais pra pensar,
Agora ouço o tal do “funk”,
Tenho vontade de "chorar",
Música LGBT;
Num breve passado também ouvi;
Renato Russo (Legião);
Cazuza e Cassia Eller;
Letras pra raciocinar;
Pirar o "cabeção"...
Atualmente só o que temos;
Sem preconceito ou discriminação;
Longe de mim tal alegação;
Dizem que serve pra “dançar”;
Um tal de Pablo Vittar;
"Chorei"...

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz

O ALIENADO

O alienado se sente como um estranho, pois, submetido ao produto de sua própria criação, esquece da verdadeira importância do seu EU criador.

Toda vez que o ser humano se esquece de sua existência e do seu verdadeiro interior e passa agir de maneira despersonalizada, deixando de ser ele mesmo para ser tão somente o que os outros gostariam que ele fosse, está caracterizado o fenômeno da alienação.

O ser humano alienado vive do culto idolátrico a outras pessoas, um artista de TV, um jogador de futebol ou qualquer outra pessoa famosa, ou ainda na supervalorização de objetos materiais, dinheiro, condicionado a obedecer fatores exteriores a si próprio.

O ser humano alienado é aquele que perdeu a sua individualidade e mergulhou num mundo onde todas as suas atitudes são dirigidas segundo consenso da maioria. Sem nunca perguntar o porquê das determinações que lhe são impostas, obedecendo-as sempre, apenas com desejo de obter a aprovação dos demais. O ser alienado destrói a sua capacidade criadora e se acomoda a utilizar os mais diversos produtos, como, modas e objetos, já criados por outros, ou por influência de algum artista do momento.

A liberdade de decidir e optar, de ser diferente e pioneiro não existe no ser alienado. Ele quer apenas se sentir seguro, pensando e agindo como os outros. Ele deseja ficar preso a influencia de alguém, ele tem medo da liberdade, e preguiça de pensar, em ser diferente.

O ser alienado, por exemplo, não reflete sobre suas atitudes. Ele tanto pode aplaudir uma norma inclinando-se para um fanatismo, como discordar com tendências igualmente fanáticas. Ele, portanto, não é capaz de adotar uma visão critica moderadora.

O alienado ou permanece num passado que já não se enquadra a nova realidade ou sonha com mudanças futuras impraticáveis. O que ele nunca faz é olhar o presente com seus próprios olhos.

Ao contrario do alienado, o ser humano consciente de sua existência reflete sobre o sentido de sua existência, obedece às determinações gerais, mas sempre procura aprimorá-las.


Vanderlei Muniz

Vanderlei Muniz
Inserida por VanderleiMuniz
1 compartilhamento