Rollf Fiore

1 - 25 do total de 32 pensamentos de Rollf Fiore

Hoje sou filho sem pátria
Sou filho sem mágoa
Sou filho sem nada

Talvez eu tenha me cansado
Cansado de ser, cansado de sentir
Cansado de mim.

Oh ! Queridos, queridos, Amigos Fiéis
Vamos ver o por do sol
No horizonte de mágoas passadas
Onde ser forte não basta apenas.

Estou tentando encontrar
O que á muito aprendi
Talvez eu deixe de me rotular
Pois hoje sei que me perdi

E não apenas , por não mais ser
Mas por ser e não querer
Por ter e não poder
Por ter vida, e não viver.


Rollf Fiore

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

Ressuscito as minhas esperanças
E faço juiz aos meus princípios
Desfaço promessas de sermos poetas
Sesso a ânsia dos meus próprios vícios


Acho defeito até em minhas idéias
E mudo de rumo nestes desatinos
Refaço promessas aos meus ideais
Eu mudo os rumos, mas nunca os caminhos


Os erros passados, eu faço esquecer
Pois eles são apenas passados
E jamais iremos se quer revelos


Deixo pegadas, para não me perder
Em cada pegada, ficam meus sonhos
E os sonhos agora, é apenas viver.

Rollf Fiore

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

"As lagrimas já lavaram o meu rosto
Mas ainda sinto o gosto, do seu beijo
Mesmo que eu fique com o resto

Das esperanças, que foi o meu esconderijo
Para fugir desta realidade, sei que serei o certo
Pois tenho, em mim tudo aquilo que eu desejo."

Rollf Fiore

Rollf Fiore
2 compartilhamentos

" Tenho como ESPELHO o próprio espelho "

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

" Quando viver for uma taréfa quero Aprenderei a Morrer "

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

" a Certeza se resumi nisto ' certo ' e acaba ai "

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

" Eu sou o errado do meu lado mais Certo "

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

Custou-me intender que é preciso viver e não apenas ter vida.

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

Folia

O meu pranto virou o silêncio
E minha fúria tornou-se o espanto
E o sembante do meu rosto macio
Tornou-se este meu breve desencanto

Nele posso ver meus sentimentos em vicio
Que pede apenas que eu fique mais perto
E saia da morbidez deste precipício
Pois sou o errado do meu lado mais certo

Faço das palavras minha única moradia
E nelas eu me acho, eu me perco
Peso silêncio á minha euforia

Para achar-me em meu lado mais louco
Talvez,eu me canse desta minha folia
Ou apenas necessite de mais um pouco.


Rollf Fiore

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

Trabalhador Brasileiro

Sem honra
Sem horas
Partindo agora
sem sua senhora.

Sem Gosto
Sem Cheiro
Semblante no Rosto
Deste Derradeiro

Sem Rumo
Sem Casa
Sem Sumo
Sem Asa

Sem Leste
Sem Norte
Sem fé (apenas)
Sem Sorte.

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

" Me falatava algo á o Ego.- assim eu me sentia "

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

Se o desejo de sermos alguém
Suprir nossa necessidade de consumo
Seremos um pouco do nada
No meio do mundo.

Rollf Fiore

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

O preço

Na distância de um pensamento
Nada se a tal redundância
Na medida de pensa;Ser adulto
na alma de ser criança

Fácil e composto
A tristeza que se reflecte no Rosto
de um simples artista de rua
Que nunca saberá o Preço do Seu gosto.

Rollf Fiore

Rollf Fiore
Inserida por Futurista2008

"/ Escrevo para alimentar a ânsia da minh'alma /"

Rollf Fiore
Inserida por Pensador.poemas

" Se viver fosse uma taréfa não exitiria a opção da morte "

Rollf Fiore
2 compartilhamentos

"Somos Assim breve e sensatos, como o intervalo de amar
Nos perdemos nesta espera, de esperar e se render
Neste breve espaço , de voltar a se encontrar."

Por: Olhos do Horizonte

Rollf Fiore
Inserida por Pensador.poemas

/" Que a poesia seja Imutavelmente;e divida
Pelos cantos escuros, dos que curvam os ventos
Dos contentamentos, desta nossa louca vida."

Rollf Fiore
Inserida por Pensador.poemas

" Uma parte de mim sabe exactamente o que quer, e a outra faz questão de não saber"

Isso me mantém

Rollf Fiore
3 compartilhamentos

" Por não saber oque queria, minh'alma descubriu a maior das virtudes: a DUVIDA."

Rollf Fiore
2 compartilhamentos

A Bailarina.

Ela gira em pulos saltitantes
Alegres com sorrisos roubados
Com suas roupas brilhantes,
Torna-se o sorriso dos mascarados.

Seus olhos imitam diamantes,
Rodam com minutos contados
Juntas todas como soldados;
E faz a tristeza dos comediantes

Assim como lindas borboletas no campo
Fazem dos saltos, os seus sonhos
Sonhos que se apagaram com o tempo.

Como roubar o sorriso das borboletas nos campos?
Como na vida fazer parar o tempo?
Este tempo cruel, devorador de sonhos.

Rollf Fiore

Rollf Fiore
Inserida por Pensador.poemas

Sou uma espécie de palhaço sentimentalista
Nunca tão engraçado, nem sempre destemido,
Com essa minha ansia de tentar encontrar meu ego
Me perdi em uma dessas esquinas da vida,
Encontrei o que achava certo.
Ai descobri que não existe o certo e o errado,
Existe apenas o ' momento' tudo é uma questão de TEMPO.
Hora se está, feliz hora se está triste,
Na maioria das horas você vai me ver sorrindo
Mas quando na verdade minha vontade é sumir
E quando estiver longe, e , mais ninguém possa me ver:
Gritar horrorosamente alto. " - Me deixem em paz".
Mas não, esse meu tal de ego, é realmente algo engraçado
Quando quero dizer sim, digo não e virse e versa.
Acho que nesse caminho, o final é ficar sozinho
Assim como o ato individual de cada um de nós,
Que nascemos com uma única certeza:
Vamos morrer.
Então vamos fazer essa morte valer a pena
Por que se arrepender, se novamente vamos morrer?!
Tudo vale a pena, nem tudo é um dilema
Quando você aprende a se amar.
O Resto do mundo virá um parque de diversão
Quando você ama apenas a vida
você se torna o maior dos individualista.
Você já se declara, uma pessoa Morta.

Rollf Fiore

Rollf Fiore
Inserida por Poemasperfeitos
1 compartilhamento

Sou uma espécie de palhaço sentimentalista
Nunca tão engraçado, nem sempre destemido
Com essa minha ansia de tentar encontrar meu ego
Me perdi em uma dessas esquinas da vida...

Rollf Fiore
Inserida por Poemasperfeitos

O Sopro do vento, faz os meus versos
Vago sempre em caminhos curtos
Nos pensamentos de sermos incertos
Das minhas falas saem sopros mudos.

Rollf Fiore
Inserida por Poemasperfeitos

" A se este amor soubesse o tamnho que sou
Não me levaria tão a serio,
acredito que tudo o que penso e reflito
Tenha sua porcentgem, de ser o que não sou.
Tenho pena do amor."

Rollf Fiore
Inserida por Poemasperfeitos

Sou Inescrutável como a vida de um canário
Que é livre para voar entre os mares
Mas se perde entre a linha do equador.

Rollf Fiore
2 compartilhamentos