Paulo Master

101 - 125 do total de 265 pensamentos de Paulo Master

Sim, tu és fiel Senhor, eu reconheço que necessito muito mais me reparar, assim como sei que estou comtigo para sempre em meu coração, sempre e sempre lembrando o seu alto valor na minha vida.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

A chuva e o telhado, eu sem você!

Estou ouvindo a chuva bater no telhado, sentindo o telhado, a chuva bater, a chuva cair, a lágrima rolar, tristeza, a tristeza chegar, veio mais uma vez, veio outra vez.
Veio me roubar, veio me conturbar, vem como um ladrão vem me roubar, mas você, você nunca vem, como a chuva que sempre volta, eu nunca vejo você voltar!
Feliz é o telhado que sempre espera a chuva, e a chuva é a sua única alegria, a alegria que o telhado vem a sentir, mas eu não consigo sentir você, sem você não tenho ninguém.
Vem ser minha chuva, ser minha única esperança, vem, deixa eu te sentir não seja ruim, seja como a chuva que sempre volta e sempre dá á esperança voltar.
Tempestade de saudade, nem sei mais como seu rosto está, meu desgosto é que vem te mostrar, entra fica dentro de mim, tira sim o meu medo, ser o seu tanto de pena de mim.
Já perdi o medo, perdi a noção do perigo, sem você já até consigo viver por viver, só vivo por você, meu coração bate sem te ter.
Acabou a chuva, vou esperar outra chuva, mas você eu não devo esperar, você não vai voltar, mas a chuva vai o telhado alegrar, ela vai o telhado alegrar!
Ela não vai mais voltar, você não vai me chamar, mas eu vou chorar e ela vai voltar, a chuva vai voltar, o telhado vai se alegrar, eu vou ter minha lágrima rolar.
O romance entre você e eu já terminou, já acabou nosso amor, eu vou embora, pois acabou nosso amor, você me deixou, eu já me vou.
Como devo acreditar, como vou suportar, você tem que me ajudar, eu preciso me aceitar, preciso te deixar, tenho que acreditar.
Feliz é o telhado que espera a chuva voltar, ela vai voltar, ela sempre volta, você nunca volta, ela deixa esperança, você nunca deixa nada.
Não sei, só sei falar de nós dois, só sei que depois que você se foi, não sei mais o que foi, que eu acreditei, eu acreditei na sua volta e na volta da chuva, mas a chuva voltou, você não.
Essa tortura, ela dura, pendura e não tem cura se você não vem, se você voltar, vou curar.
O coração tristonho, cheio de sonho, vai sorrir e se encontrar, não vai mais a lágrima rolar.
Sinto saudades de você, meu fim ainda não teve fim, todo dia meu sofrimento começa de novo, toda vez você vem me atormentar com a lembrança de quando eu sabia pensar.
Não sei mais pois, só penso em nós dois, me lembra de seu cheiro, sua voz e a suave brisa da chuva fina á molhar nosso rosto ao luar, sim nós dois ao luar.
Eu pensei que nunca ia te perder, esperei o amanhecer, só depois percebi que tava sem o meu querer, não tinha como segurar, você deslizou como chuva desliza no telhado.
Se o telhado fica feliz de ver ela, a chuva deslizar e fugir, estou triste de não ter você aqui, e não sei onde está você, mas a chuva está pra cair.
As lembranças de nós dois, recordações de um tempo que se foi, saudade do amor que esteve comigo, e agora não espero porque não vem.
Sem medo, mas com receio me acordei, me deparei com a ausência de você, saudade sabor de desejo, sentido do meu meio ficar só, sem sua metade, mas com saudade.
Não vou mais falar de você, me deixou aqui, se soltou de mim, resvalou minha vida no abismo, que sem saber por um trisco, consegui me salvar, mas voltei á arriscar.
Feliz ta o telhado que sem ter risco, nem arisco precisa ficar, já que a chuva quando vem se divide com a sua metade, e o coitado sempre pensa, com a melhor parte ficar.

Paulo Master
8 compartilhamentos

Já perdi o medo, perdi a noção do perigo, sem você já até consigo viver por viver, só vivo por você, meu coração bate sem te ter.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Feliz é o telhado que espera a chuva voltar, ela vai voltar, ela sempre volta, você nunca volta, ela deixa esperança, você nunca deixa nada.

Paulo Master

No seu abraço que me encontro,
nos seus braços sou mais eu
seu amor é minha vida,
sem você, minha vida se perdeu!!

Paulo Master

Nos seus braços sou mais eu, sou criança sem você, um amor que em mim cresceu, meu amor, meu bem querer, seu amor me deixa assim, começo de vida, num prazer sem fim!

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Amizade...

Uma flor pode ser comparada com uma rosa,
pois distintas se encontram suas qualidades,
como a amizade, que comparada ao amor
muitas vezes se encontra; por estarem
tão próximos, sentimentos cúmplices
que carregam a magia de amar.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Quanto riso, ó quanta alegria...??

Carnaval, festa de sonhos e fantasias, sonhos que vão com os foliões e fantasias que estão na cabeça e no corpo, enfeitando o desejo de ser feliz.
No carnaval se encontra a chance de uma conquista á muito buscada e á cada ano em cada carnaval se renovam as esperanças.
No balancê de cada roda, se encontra a alegria e empolgação que unida ao desejo de ser feliz, realiza a satisfação do carnavalesco na avenida.
Como diz a letra da velha canção, "mais de mil palhaços no salão", palhaços do riso, do choro, da alegria exagerada e muitas vezes vítimas de suas próprias palhaçadas.
Não tem como conter a alegria de foliões exaltados, se na avenida estão todos seus sonhos e desejos, sentimento de liberdade, com sabor de amor e amizade.
Carnaval é assim, um pouco de tudo, e tudo muito assimilado á mais emocionante das tradições, se os romances são mais acentuados no carnaval, as desilusões vem no mesmo ritmo; rítimo esse que é difícil ser controlado por pessoas desprovidas de cautela.
Felicidade acima dos níveis de cuidados, sem parâmetros para a alegria, como se no carnaval valesse tudo, se não vale!! folião bom é folião apaixonado.
Na virtude do carnaval se encontram os poetas das passarelas que embalam a festa fazendo seus enredos e lavando o carnaval ao nível das grandes obras.
Quem sabe, é o que deixa a melhor impressão do carnaval, seja no talento de artistas muito bem inspirados pela alegria, ao fazer sua vida dar uma volta sem precedentes.
Ao menos a beleza de mulheres com corpos exuberantes, fazendo da avenida uma passarela com o glamour da beleza feminina, levantando o desejo de todos alí presentes.
Carnaval é isso, é uma bateria com milhares de participantes á sincronizar um rítimo que embala desde os simples brincantes aos mais sérios e elegantes.
Um trabalho de mestres que sem temer o resultado final confia na sua equipe e faz do seu trabalho uma bela resposta aos ouvidos mais afinados.
Dentro da festa não existem somente um rei uma rainha, todos reinam em uma adversidade sem fim, como fazendo um pacto para a felicidade não escapar ao som do tamborim.
Seria então um acumulo de ações em prol da alegria, uma legião de “alegretes” pulando e se divertindo numa felicidade sem fim.
Realmente a felicidade reina nesse lugar, pois o mais problemático dos homens em plena passarela da alegria se vê transformado em senhor da euforia, que domina seus sonhos como uma fantasia real, mesmo sendo a realidade desleal.
Carnaval é isso, meninas ainda criança num sonho de gente grande, senhoras balzaquianas num sonho de adolescente, e assim a alegria toma conta do coração, levando consigo todo uma perspectiva de no final sair feliz, completa e plenamente.
Uma festa que é sinônimo de alegria, sobre tudo o carnaval joga pra longe o entristecer que a rotina do dia-dia os coloca, mas é uma alegria momentânea e sem fundamentos para a vida.
Uma vida que é vivida através da expectativa de outros carnavais, com a felicidade se fazer presente, o amor ser um participante e ter a alegria como amante.
Carnaval é assim, toda grandeza de uma esplêndida apresentação, muito brilho, muita animação, mas na quarta feira, retorna o inferno e a queimar se vê toda a alegria com a chegada da realidade num imenso caldeirão, devolvendo a rotina da vida ao coração.

Paulo Master
2 compartilhamentos

Carnaval é assim, toda grandeza de uma esplêndida apresentação, muito brilho, muita animação, mas na quarta feira, retorna o inferno e a queimar se vê toda a alegria com a chegada da realidade num imenso caldeirão, devolvendo a rotina da vida ao coração.

Paulo Master

Não preciso de pessoas ao meu lado,
apenas necessito de amigos de verdade!!

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Pois na vida aprendi também que uma brisa é mais leve que uma tempestade e uma paixão nos deixa muito mais abatidos que um amor de verão, e aprendi que no amor não existem medidas do querer, a gente só ama.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Me ensinou também, que não devo cobrar das pessoas o que me prometem, pois na vida mais vale um amor de verdade que a esperança da felicidade sem amor, se a vida nos nega o verdadeiro amor, o destino se encarrega de nos fazer feliz.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Se eu morrer primeiro que você...

Desejo que você seja confiante, e seu futuro não dependa da sorte para você ser feliz, pois o amor em tudo se sobre põe, e a arte de amar resiste ao pior pesadelo.
Somente conte as pessoas o quanto o amor nos fez feliz, e a cada amanhecer eu venha ser uma nova esperança em sua vida.
Mas com o chegar do final da caminhada eu não deixei você, fui para um canto qualquer esperar o momento ideal para te encontrar e o amor se fazer eterno.
Nunca acredite que a paixão se vai com o chegar da morte, mas o amor renasce em cada esperança no coração de quem vivo está.
Mas quem ficou vai ter consigo o sentimento que está faltando algo, o aconchego e a saudade do bem que um dia se fez presente.
Pois não tem poeta nem poesia que possa conter um coração vazio, se nem com a esperança pode contar, Levando em conta que na esperança tem que existir pelo menos a vida!
Mas a dor tremenda vem partir do coração, que vai ter que esvaziar-se de todo amor que um dia o trasbordou com tanto sentimento, o mais puro amor.
E a saudade terá a oportunidade de outra vez se fazer severa, e não dar a menor chance do coração em desviar-se de tantas dores.
E acredite amor, o coração nunca esquece do sentimento que um dia preencheu seu interior e se a saudade vier ao seu encontro, tente lutar, mesmo sabendo que nunca irá resistir
Amor, se eu morrer primeiro que você, desligue a tomada do nosso amor, para seu próprio bem, apague as chamas da nossa paixão, mas nunca esqueça o quanto eu amei você.
Pois nada é mais difícil que um amor incontido e nas horas de solidão parece que a gente fica em um mundo que somente existem as lágrimas e o choro.
Como se nas lágrimas viessem as explicações de tamanha angústia, e o coração lamenta em nada poder fazer se não colocar-se á frente de tudo isso.
Mas a maldade na vida acontece no momento em que ela deixa de existir, um vez que quem ama sofre e quem fica sem o amor vem sofrer duas vezes.
A verdade é que nos apegamos demais nas pessoas em que escolhemos para amar, esquecendo que existe o risco da solidão desalmada ou a perda da nossa meia alma.
Amor, se eu morrer primeiro que você, eu te peço que nas horas em que você desejar chorar você chore, mas chore bastante, chore por você e por mim, pois eu jamais iria deixa-la sozinha.

Paulo Master
2 compartilhamentos

Nunca acredite que a paixão se vai com o chegar da morte, mas o amor renasce em cada esperança no coração de quem vivo está.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Amor, se eu morrer primeiro que você, desligue a tomada do nosso amor, para seu próprio bem, apague as chamas da nossa paixão, mas nunca esqueça o quanto eu amei você.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

E acredite amor, o coração nunca esquece do sentimento que um dia preencheu seu interior e se a saudade vier ao seu encontro, tente lutar, mesmo sabendo que nunca irá resistir

Paulo Master

Em busca da felicidade!

A busca da felicidade pode ser um caminho doloroso, sofrido e muitas vezes desafiador, á busca da felicidade envolve desejo, vontade e necessidade, um anseio que somente um coração sedento em ser feliz pode avaliar.
Como as pessoas em geral não são idênticas, pois idênticos nunca seriam seus anseios pela felicidade, e os sonhos nunca são iguais, sonha-se de um jeito e realiza-se de outro, a felicidade tem rumos inversos.
Eu posso dizer que sou feliz, e poderia estar infeliz em poucos instantes, são os parâmetros da felicidade, seria burrice uma afirmação de pura felicidade integral, pois se deve provar da tristeza para saborear a felicidade, conter uma lágrima no sentido de ser feliz em fazer o coração lacrimejar de felicidade.
E olha que nem falei das paixões ainda, sendo que um coração apaixonado está desprovido de felicidade incontida, é como uma armadilha cruel, a felicidade pode se transformar em uma das piores dores.
Em relação ao amor, a felicidade se sente em casa, uma vez que sem a felicidade o amor não existe quem ama carrega consigo um estopim de satisfação que com a chama de uma paixão á qualquer hora vem explodir.
Levando pra casa a felicidade como bagagem se torna mais viável ser feliz, e como se no seio do lar, ser feliz nem fosse muito importante.
Como em todas as ocasiões dessa vida, nem tudo são flores, o amor vem aprontar e mostrar sua cara, sua verdadeira face, a face da maldade, do desespero, da saudade, a desgraça da solidão.
Mulheres e homens em geral carregam consigo seus limites para suportar uma infelicidade, e não se tem idéia de uma dor, e até onde se pode suportar.
A busca da felicidade envolve uma brusca quebra de algumas regras, uns desafios e uns pequenos desvios dos sentidos, amor, ódio e felicidade.
A felicidade é como saborear um lindo sonho e depois acordar e viver ele na realidade, levantar ao lado de quem se ama sentir o pulsar de seu coração e o afago de um sentimento tão lindo como o amor.
Ser feliz é entregar o melhor de si, sem querer nada em troca, pois o verdadeiro, prêmio carregamos conosco que é a felicidade de ser útil aos que necessitam de nossa ajuda.
Como a felicidade é um sentimento coletivo, devemos ter a consciência de que muito temos de nós para entregar, pois muito mais vamos receber de nossa satisfação em ver a felicidade nos olhos de quem fazemos feliz.
Eu quero ser feliz, desejo e busco, bem como sei que ser feliz é ser humilde, reconhecimento de um ser humano, consciência de um filho de Deus e sabedoria de uma pessoa que já provou do real sabor que a felicidade e a dor podem trazer.
Posso dizer sem medo de ser feliz que a felicidade se encontra nas pequenas coisas e se concentrando em seus pequenos fragmentos a felicidade vai se tornando constante á ponto de tornar-se intensa e absolutamente evidente.
Nunca se deve pensar em queimar a ultima chama de esperança no anseio de ser feliz, sabendo-se que se perde uma boa parcela da felicidade, uma vez que chega ela á ser rejeitada.
No amor, no ódio, na vida, na morte, na solidão, na companhia e até na noite fria, tudo leva a um caminho que vai parar na busca da felicidade, não tem saída nem entrada, muito menos um amor ser crise de paixão, sendo que ela não tem idade, nem maldade, o importante é sentir a felicidade!

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana
1 compartilhamento

Como a felicidade é um sentimento coletivo, devemos ter a consciência de que muito temos de nós para entregar, pois muito mais vamos receber de nossa satisfação em ver a felicidade nos olhos de quem fazemos feliz.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Posso dizer sem medo de ser feliz que a felicidade se encontra nas pequenas coisas e se concentrando em seus pequenos fragmentos a felicidade vai se tornando constante a ponto de tornar-se intensa e absolutamente evidente.

Paulo Master

O dente do ciso!

Queira eu ser útil ao meu semelhante e á mim mesmo, enquanto vida eu tiver, se ao menos chance tiver de agir e as oportunidades de me mostrar perfeitamente apto em servir.
Embora o desejo da solidariedade esteja se tornando um sonho distante hoje em dia, mas sinto que devo fazer minha parte, quem sabe se não é assim que o mundo possa mudar.
Sem ter como evitar ou virar o rosto diante dos menos favorecidos e ou excluídos pela sociedade, que nada mais é do que a única culpada por tantas desgraças.
Se for falar em "sociedade" o que quer dizer sociedade se não uma associação de pessoas à prestar-se em favor de seus mesmos interesses, coisa que sempre foi o contrário.
Evitando assim que pessoas dentro de um contestam de necessidade extra ordináriamente fora das cláusulas deles mesmos, e sendo assim os mais necessitados se tornam ainda mais necessários ao sucesso da sociedade.
Pois como um dente do ciso que sempre vem fora de época causando dor e nunca servindo para nada, encontramos alguns incapazes de pelo menos sentir compaixão pelo seu semelhante, como se faria presente seu demente dente!
Se for para evitar à mão amiga, que seja para tirar da lama da sociedade os que se julgam sobre saltados em relação a pessoas que avistam de seus andares sempre elevados.
Ou pensamento de grandeza em conseqüência de sua vasta ignorância, conseqüência da falta de caráter ou seria personalidade acompanhada do distúrbio sendo um crápula disfarçado de cidadão.
Como encontramos pessoas com a maior satisfação em ser cordiais exemplos de honestidade e humildade encontram-se os "cisos" que carregam consigo a fama do "novo", mas elevam ainda mais para o alto a desgraça acompanhada de miséria aos que sem saber vem a sociedade enriquecer.
E como uma órbita que dá várias voltas em seu próprio eixo, nem seria necessário dizer que quando o novo se fez velho já deixou uma cratera gigantesca e saiu sem ao menos uma pá de areia em tentar fechar, ou omitiu o seu feito.
O interessante é que as pessoas estão tentando ser felizes de um modo tão desesperador que deixam passar despercebida a sua grande chance de ser feliz ou lutar por seu verdadeiro direito.
E de pensar que a visão que se tem da vida, vem do passado onde todos fomos estimulados à viver dessa maneira, como se em tempos atrás tivesse a sociedade se combinado em prol de si mesma.
A grande verdade é que se tentar lutar se perde um tempo precioso, se nem preciosidade é palavra para se usar, ou tentativas seriam em vão já que as leis são feitas por eles mesmos.
Coitado do pobre, ou pobre coitado, que sem ter terra para morar e às vezes mora na terra de ninguém, pois enriqueceu essa terra para tirar as dores dos cisos que nem são seus!

Paulo Master
2 compartilhamentos

Coitado do pobre, ou pobre coitado, que sem ter terra para morar e às vezes mora na terra de ninguém, pois enriqueceu essa terra para tirar as dores dos cisos que nem são seus!

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Se for para evitar à mão amiga, que seja para tirar da lama da sociedade os que se julgam sobre saltados em relação a pessoas que avistam de seus andares sempre elevados.

Paulo Master

Eu vivo das lembranças dos seus beijos!


O doce da vida se tornou um fel, mais que de repente eu tinha tudo, hoje estou sem nada, estou sem você e sem o amor, sem o seu amor.
Sem meu sol, sem minha noite sem o meu dia, queria saber onde foi que errei e cadê aquela mulher que me envolveu, me seduziu e me abandonou.
Me deixou no frio do inverno, me deixou no fio do inferno onde uma lágrima se faz a morte e a sorte que tinha antes, se afastou de mim.
Sentir-se pois solitário agora é o único meio de viver sozinho o que antes era vivido por nós dois e a saudade do seu corpo me deixou pela metade.
E quando me beijavas, sentia que o paraíso estava em você, no seu toque, na sua boca, na saliva que se transformava em nèctar do amor mais forte que minha vida agora se vê desabilitada, como sem você eu nem existisse.
Não quero existir se você não pegar na minha mão e me trazer para dentro de ti, pois eu jamais me deixaria entregar á outro amor que não seja o seu.
Amo você!!
Sei que para sempre vou te amar, para todo sempre vou morar em meu mundo sozinho e solitário à espera que um dia você venha voltar e me resgatar dessa solidão.
Solidão bandida, escuridão perdida nas curvas do seu corpo que de tão afastado estou, já nem consigo senti-lo em meus pensamentos, vivendo de sonhos e fantasias nem sei mais o que é a realidade se na verdade você não está comigo mais.
E selando minha vida no encalço da solidão vou vivendo um pesadelo e em cada esquina encontro um motivo para desistir de continuar, porque suas lembranças vem como fantasma me atormentar.
A paixão carrega consigo a sombra do desespero de sentir-se só, e como apelo ao meu ego vou seguindo os caminhos do amor, sem saber que naquela esquina seria a próxima vítima.
Me sinto a vítima do amor e o senhor do desamor, como era antes de saber se o amor existia, sem saber o que seria o amor, e a sua boca continua me atormentando.
Só queria saber se eu vou cantar essa canção à vida toda, a canção da solidão, do sofrer sem você, a canção dos que vivem à sofrer sem ter de volta quem á esperar estiveram.
Não nasci para viver sem teu amor, nunca á esqueci totalmente, se na minha mente você está vivendo eternamente eu vou te amar para eternidade.
Sem ter você eu já nem sinto nada, Sinto-me como ave ferida machucada e sem ter onde pousar, minha viagem acabou se deu fim o meu desejo, eu vivo das lembranças dos seus beijos!

Paulo Master
4 compartilhamentos

E selando minha vida no encalço da solidão vou vivendo um pesadelo e em cada esquina encontro um motivo para desistir de continuar, porque suas lembranças vem como fantasma me atormentar.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana

Não nasci para viver sem teu amor, nunca a esqueci totalmente, se na minha mente você está vivendo eternamente eu vou te amar para eternidade.

Paulo Master
Inserida por Paulo-Santana