Karla Fabricya

1 - 25 do total de 207 pensamentos de Karla Fabricya

Eu sempre quero demais, sonho demais, amo demais, espero demais, fico ansiosa demais, ambiciono demais, penso demais, e em tudo vivo o demais. Talvez seja por este motivo que as palavras fluem demais!

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Minha expectativas são tão cultas, que até para existirem se baseiam em obras de grandes autores, e em acontecimentos históricos. A última se baseou no filme "Titanic" e além de se partir, afundou!

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Me desculpe se minhas palavras inutilizam as suas!

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

As vezes é na solidão que encontramos aquelas respostas que nenhum amigo conseguiu nos dar.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Não é olhando o físico de alguém que você vai encontrar seu amor, pois ele -o amor- mora nas profundezas da alma.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Seu achismo para mim não passa de um atrevimento ignorante..Ou seja ele apenas deixa sua imagem mais decaída.

Karla Fabricya
13 compartilhamentos

Ainda não conheci alguém capaz de influenciar meus pensamentos. Se algum dia conhecer quero logo distância.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Existem pessoas que toleramos e outras que amamos a presença, cabe a nós nos fazermos amáveis ou apenas toleráveis.

Karla Fabricya

Através do olhar desvendamos os segredos mais profundos da alma, encontramos as maiores verdades, descobrimos as mais cruéis mentiras e entramos em contato com pessoas antes inatingíveis!

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Esperar pode ser desagradável, porém é experiência, e tudo que é experiência nos faz crescer, independente das marcas deixadas.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Quando meu vocabulário é insuficiente, apelo para a única que pode traduzir meus sentimentos a MÚSICA.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Engana-se quem pensa que escrevo com o cérebro, os sentimentos aquecem minha alma e fazem com que as palavras entrem em ebulição...

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Na inteireza das vezes que escrevo, os textos primeiro edificam a mim, pode ser que alguém que se proponha a ler com a alma também seja edificado, mas, como só posso falar por mim...

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

No início eu não compreendia o porquê dessa gana por escrever, já que não sou ótima em gramática, nem em literatura, e nem em leitura... Cheguei à conclusão de que grande parte dos intelectualmente capacitados estão dispersos e a fim de escrever o que o mercado pede, romance, ficção científica, ficção, ‘coisas vampirescas’, e todas as outras, que por sua vez atuam na total desmoralização do ser humano, fazendo deles apenas espectadores de coisas aquém do que importa. Então me permiti ser usada para expor as palavras que permeiam meu coração, algumas que fluem e que não vejo razão, mas escrevo, no final sempre é útil. Mesmo que escrevendo só para mim, depois de ter escrito vejo o quanto é útil nos darmos a algo.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Eu preciso de alma, não me completo facilmente. Sou insaciável. Me explico no silêncio, me apresento nele também. Posso ser de fácil compreensão para aqueles que leem o olhar, e incompreensível para os intelectuais. Defina-me ou deixe-me ser sem me entender.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Sabe do que realmente você precisa?
-Você precisa que vez ou outra, alguém faça silêncio para ouvir suas piadinhas sem graça. Que alguém fale em meio ao seu silêncio para te arrancar de si próprio. Precisa que te emprestem o ombro para você encostar sua cabeça e não pensar em nada. Você precisa que alguém segure em sua mão, só por segurar mesmo. Precisa de sorrisos alheios naqueles dias em que tudo parece cinza. Precisa que alguém te pergunte algo e preste atenção na sua resposta. Precisa encarar alguém no profundo do olhar, sem nenhum significado, coisa de alma. Precisa que alguém abra a porta do carro pra você, mesmo que estejas com as mãos vazias. Precisa que alguém chegue mais perto para amenizar o frio que você sente. Precisa que este alguém fique distante quanto o calor está insuportável. Você precisa de alguém que fixe o olhar em você como se estivesse vendo além da matéria. Precisa que alguém olhe e repare no modo como você meche no cabelo, que alguém te analise sem querer 'porquês' e se satisfaça com o resultado da análise.
Aliás, acho que você só precisa de alguém.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers
1 compartilhamento

E tudo acontece de forma tão simples e tão perfeita...
É só não criar complicações onde não há...
A vida transcende nossas birrinhas e chatices...
Apenas sorria para ela e ela irá sorrir para você!

Karla Fabricya

Difícil de entender, te acho pouco pra mim e eu demais pra você. Mas a gente acha tanta coisa quando não conhece por dentro da outra pessoa, quem sabe você acha o mesmo que eu... Então provemos para nós mesmos o quanto somos grandes e qual a imensidão que cabe em nós, ou o quanto somos pequenos e quanto a imensidão alheia pode nos expandir.
Ou abramos mão de nós mesmos por nós mesmos...

Karla Fabricya

Não, você não precisa chorar, ninguém precisa conhecer suas fraquezas... Engula a dor, o choro, e as raivas, engula-as mas vomite-as quando não houver ninguém por perto. Vale muito mais posar de 'tudo bem' do que expor o que denigre. Depois aproveite a solidão, grite, se descabele, chore, chore até pegar no sono. Quando acordar tudo parecerá certo, tudo estará bem.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Ninguém nunca precisou pedir pra que eu fosse eu. Sempre fui quem sou, não sei se sempre fui quem era, mas sempre fui. E agora, o que me resta é ser eu mesma, sem dar espaço para projeções alheias, não deve caber nada em mim além da minha própria imensidão, imensidão essa que às vezes é menor que um grão de areia. Mas independente do tamanho, sempre me agrada ser eu, e a opinião alheia não coopera para o eu que sou!
Se me contradigo? - Ah, contradição não combina com alguém que não gosta de combinar!

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Coloque uma venda nos olhos, segure a mão de DEUS, e O deixe guiar seus passos! Sujeitando-se a obedecê-lO!

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Preciso de muita coragem para pensar diferente e muita ousadia para fazer diferente. Preciso ser muito mais, preciso me multiplicar para que os insensíveis percebam a alma quente que carrego no corpo, mas isso tudo é só para que percebam, afinal compreender essa alma é incogitável. Ás vezes ela parece ser pouco, muito pouco, mas ela só parece, é preferível evitar que ela 'queime' quem é indigno. Parece prepotente, só parece, é porque ela conhece o incêndio que é. Desconhece a mente infértil, se acorrenta nos sonhos que a fazem saltar no corpo em que vive. Ela não é maleável, ela não conhece o 'se', ela independe de opiniões. E isso tudo, é o que ela acha que é, ainda não sabe que É. E tudo transcende as palavras!

Karla Fabricya
Inserida por karlafers

Se às vezes você fala e eu não te ouço é porque eu não estou lá.
Se às vezes você me olha e eu ignoro é porque eu não estou lá.
Se às vezes você faz piadas e eu fico inerte é porque eu não estou lá.
Se às vezes você faz silêncio e eu não questiono é porque eu não estou lá.
Se às vezes nós estamos juntos e eu pareço não estar é porque eu não estou.
É assim que é, é assim que sou. Talvez um dia eu mude ou talvez mudar não seja preciso, afinal, às vezes é melhor não estar em lugar nenhum, é melhor estar em mim mesma, mesmo que eu seja distante e desconhecida. Sou eu em mim. Ninguém além de mim. É que eu me prefiro!

Karla Fabricya

Não! Não estou procurando nada. Não estou atrás de nada. Porque acho que não estou pronta pra nada. Mas na verdade prontos nós nunca estamos, somos sempre pegos de 'surprise'. Mas eu sou alguém ou ninguém que ama as coisas como elas estão, não me agrada muito, grandes mudanças. E nada deve desencarrilhar dos trilhos da minha vida. Eu amo as coisas certinhas, certinhas assim como elas estão, ou parecem estar. Não sinto falta de nada. me contento com o agora e ele sempre me bastará. Isso não significa que eu tenha ou ame uma vida estagnada, não, não é isso, na verdade eu amo o caminhar, mas amo muito mais poder escolher o caminho e desenhar a paisagem que o envolve. Nada até hoje me surpreendeu, sou um tanto insensível, ou sensível ao extremo que me blindo para não concorrer no caminho alheio as 'surprises' que posso direcionar à outros. Me contradigo no silêncio e se digo algo logo me contradigo novamente, na verdade só não me contradigo no psíquico ou vice-versa. Não me incomode, não se atreva a infiltrar-se no meu universo, nem queira, será frustração. As barreiras aqui transcendem sua capacidade de salto, independente do quanto te achas capaz. Evite se ferir, evite se queimar, ao mesmo tempo que posso ser arame farpado posso ser chamas, apenas evite. Posso parecer inofensiva mas posso causar dores sem nem perceber, sem nem ter a intenção de fazê-lo. Mas sei que posso.Não que eu seja má, é que eu sou, eu simplesmente sou, e quem é, sempre trás consigo algo que os outros não querem ou não podem entender. É assim que sou é, é assim que vou. Aconchegada no cômodo, dizendo não às mudanças. Parece triste mas é somente felicidade!

Karla Fabricya
Inserida por karlafers
1 compartilhamento

Mulheres não têm donos, não são posses, ao menos não precisam ser.
Mulheres são desbravadoras, corajosas, e não temem dizer aquilo que as permeiam.
Mulheres se importam consigo mesmas e com a humanidade, amam além dos porquês.
Mulheres quebram tabus a cada instante, surpreendem com ideias não igualitárias.
Mulheres decepcionam alheios e não o fazem consigo mesmas, por apenas terem dito a verdade.
Mulheres não buscam nada, apenas encontram o que as buscavam.
Mulheres têm além dos saltos, a altura intransponível do ser.
E elas simplesmente são isso, sem ao menos perceberem.
Já o resto que não o são, são apenas meninas. E não passam de meninas.

Karla Fabricya
Inserida por karlafers