Júlio Dinis

Encontrados 13 pensamentos de Júlio Dinis

Um amor bem verdadeiro, uma vida bem íntima com uma mulher, a quem se queira como amante, que se estime como irmã, que se venere com mãe, que se proteja como filha, é evidentemente o destino mais natural ao homem, o complemento da sua missão na terra.

Júlio Dinis
3.5 mil compartilhamentos

Com o amor dá-se o mesmo que com o vinho. Perdoem-me as leitoras o pouco delicado da confrontação; mas bem vêem que ambos embriagam.

Júlio Dinis

Se nos dermos de coração a uma quimera, se ela, nas formas vagas e aéreas que reveste, nos sorrir e namorar, em vão julgamos tê-la pelo que verdadeiramente é; há sempre um ou outro momento em que a acreditamos realizável e até realizada.

Júlio Dinis

As mulheres não podem amar um homem em quem os olhares da mais afectuosa simpatia não insinuam calor ao coração.

Júlio Dinis
44 compartilhamentos

Ninguém sabe porque ama ou porque não ama. É uma coisa que se sente, mas que não se explica.

Júlio Dinis
71 compartilhamentos

Há poucas coisas tão fatalmente contagiosas como a alegria das pessoas sérias.

Júlio Dinis
57 compartilhamentos

Saber sacrificar tudo a um dever é a principal e mais difícil ciência que nós temos de aprender na vida.

Júlio Dinis
30 compartilhamentos

O amor é um som que reclama um eco.

Júlio Dinis
10 compartilhamentos

Há aparências de dureza que ocultam tesouros de sensibilidade e de afecto.

Júlio Dinis
143 compartilhamentos

O homem dá a vida pelo amor, e julga não ter dado nada.

Júlio Dinis

A aurora do amor é a quadra de devaneios e fantasias, em que a vida do coração principia e exerce sobre nós o seu mágico influxo.

Júlio Dinis
34 compartilhamentos

A bondade é um rico manancial, que brota lágrimas ao toque da menor comoção.

Júlio Dinis

“... Todos os caracteres nobres não adquirem,
sem doloroso aprendizado, a desconsoladora
ciência que se chama ceticismo. Cada ilusão
que se desvanece é um golpe fundo no mais
sensível da alma, e os conflitos da vida social
deixam feridas que só lentamente cicatrizam...!”

Júlio Dinis
Inserida por profeborto