J. G. de Araújo Jorge

76 - 79 do total de 79 pensamentos de J. G. de Araújo Jorge

" Curiosa "


Quando acordei
já te encontrei de olhos abertos
me espiando...

Curiosidade a tua!
querias ver com certeza como eu sou
sonhando contigo!

J. G. de Araújo Jorge

Gosto quando me falas de ti... e vou te percorrendo
e vou descortinando a tua vida
na paisagem sem nuvens, cenário de meus desejos tranqüilos.

J. G. de Araújo Jorge

Se ...

Se eu pudesse parar a minha vida
e dar eternidade a um só momento,
se eu não tivesse o meu destino preso
ao destino das coisas nos espaços...
Se eu pudesse destruir todas as leis
e dentro do Universo que se move
parar o meu mundo:

havia de escolher esse segundo
em que Você estivesse nos meus braços!

J. G. de Araújo Jorge
91 compartilhamentos

Quero que me desculpe, amor, este gasto coração tão viajado tão tatuado de amores. Quero que me desculpe, amor, esta ironia que me defende contra a vida e que te fere às vezes, sem razão. Que me perdoe, também, essa alma turva que não pode espelhar tua alegria e onde em vão te debruças, imprudente. Quero que me desculpe a minha vida fim de novela que não dá sequer para tecer franquias baratas um sonho pequenino e aquecer teu coração. Que que me desculpe, amor, porque fui cúmplice do destino que tramou o nosso encontro, e porque nada fiz, por covardia, para evitar o mal que já sabia. Quero que me desculpe, amor, tão pobre amor, tão gasto amor, tão viajado amor, resto de um pouco amor que ainda subsiste, — que encontraste no cais, quando chegavas, e eu já partia, embebedado e triste…

J. G. de Araújo Jorge