ElcioJose

201 - 220 do total de 220 pensamentos de ElcioJose

Comprar bem ou vender bem!

Quando compro bem aumento a margem de lucro, quando vendo, mantenho a empresa viva. Ambos são importantes, mas se não vender, não adianta comprar bem. Vender é arte, portanto merece aplauso. E não esquecer que comprar bem, aumenta a margem de lucro e facilita o poder de negociação. Ambos tem a sua importância e nada pode ser negligenciado.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

PLANTIO...
Plantei o amor e colhi a saudade;
Plantei a saudade e colhi a vida;
Plantei a vida e colhi a esperança;
Plantei a esperança e colhi o amor...
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

O QUE É FELICIDADE?
Por vezes me indago sobre o que é ter felicidade. Quem sabe descubro através das perguntas:
Ser feliz é ter dinheiro?
Ser feliz é ter um carro novo?
Ser feliz é ter uma casa pra morar?
Ser feliz é ter saúde?
Ser feliz é ter família?
Ser feliz é ter amigos?
Ser feliz é ser grato pela vida?
Ser feliz é ter um grande amor?
Ser feliz é ter uma casa na praia?
Ser feliz é ter uma casa na roça?
Ser feliz é viajar?
Ser feliz é ter uma profissão?
Ser feliz é ter trabalho?
Ser feliz é ser grato?
Ser feliz é poder amar?
Ser feliz é ser amado?
- Muitas outras perguntas poderiam ser feitas. A resposta está em cada um nós. A felicidade de um é diferente da felicidade do outro. Cada um a vê e sente de uma forma. Não há receita pra ser feliz. Mas podemos até resumir que ser feliz é estar em PAZ. Ela é consequência e não causa. Aí pergunto: Você é feliz? O que te deixaria feliz? Mas, para mim, a felicidade está no amor que colocamos em tudo que fazemos e vivemos. Tudo que nos faz bem e nos dê prazer é felicidade. A inveja é a maior destruidora da felicidade. Querer que o outro seja como somos, somente nos consome. Talvez ser feliz seja uma questão de apenas QUERER e não de poder. Pode ser o tempero que damos as coisas de nossa vida. Então! O que é felicidade?
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins
1 compartilhamento

O VENDEIRO E SUA FUNÇÃO
O vendeiro foi pra venda,
Pra vender o que tinha na venda.
Mas como não tinha freguês,
O que será que ele fez?

Lembrou de sua missão;
Quis cumprir com a obrigação,
Zelando da sua função.
Saiu de trás do balcão e
Achou logo a solução.

Na falta do cliente,
À toa não podia ficar,
Pois era trabalhador ciente,
Fora contratado para trabalhar.

Cuidou da organização e deixou tudo no agrado.
Atualizou a caderneta do fiado,
Uma novinha que o patrão havia comprado.
No banco, depositou os trocados,
Na agenda, anotou os recados.

Organizou a prateleira e
Com o espanador tirou a poeira.
Da vitrola em cima da cantoneira,
Ouviu, romanticamente, clássicos da música brasileira.

Cuidou de tudo.
Cuidou da limpeza. Cuidou do visual.
Era seu lema e seu objetivo final,
É pensar no cliente. Ele é especial.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

O GIRO DA RODA
Rodei a roda que roda,
No caminho da roda que roda.
Vesti a roupa da moda,
Na estação que me alegra e me molda.

Como o trem que chegou na estação,
Veio a chuva entoando a canção.
Como a moda que marcou geração,
Veio a praia no calor do verão.

A roda que roda é paixão,
Como a trava do medo é razão.
A mini saia de uma gaveta qualquer,
Traz com o verão mais beleza à mulher.

Desce redondo o liquido sagrado,
Melhor ainda se for do agrado.
É do samba, do tango e do fado,
A dança quente e o vestidinho decotado.

Como a chave que dá a partida,
Siga o lema e o emblema da vida.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

ISPREPARISSIPEGOU
Ispreparissipegou
Eu não sei o que é,
Só sei que já ouvi,
Na cidade que nasci.

Foi dita por gente esperta,
Sem rumo, o alvo acerta.
Não saber se ela é certa,
A indagação ora desperta.

Ispreparissipegou
Eu não sei o que é,
Esse bordão várias vezes escutei,
Na cidade que me criei.

Veio da boca de gente humilde,
De risos francos e sem palpite.
Não é pássaro querendo o alpiste,
Foge da luta e o dedo em riste.

A dúvida continua,
Maltrapilho e veste crua,
Andarilho da rua,
Joia de rara beleza,
Jorra fruídos de franqueza.

Ispreparissipegou
Eu não sei o que é,
São palavras ao vento,
Demonstrando um sentimento.

É a riqueza nata e não culta,
Que da linguagem resulta.
Homens simples por natureza,
Musicados com solfejos de beleza.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

08 de março, Dia Internacional da Mulher

Mulher!
Oh! Mulher.
És dama, diva. O que quiser.
Mata no peito qualquer bola que vier.

Nada teme quando quer,
Joga alto se puder.
Mãe, filha, esposa, o que for,
Mostra sempre o seu valor

Devagar, alcançou o seu lugar.
Enveredou por caminhos diferentes,
Veio a conquista de presente.
Podia estar contente, mas persevera combatente.

Administra os filhos e a casa,
De Deus recebeu as asas.
Abre caminhos e atalhos.
Poema de vida em cachos grisalhos.

Em seu ventre tem morada,
Inquilina muito amada.
Nove meses de contrato,
Do amor se fez o ato.

Nesse oito de março,
Receba, bem apertado, o meu abraço.
Hoje o mundo é seu espaço,
É no presente que se faz o laço.



FELIZ DIA DAS MULHERES...

Élcio José Martins 08/março/2019

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

O PODER DE DECIDIR

Em asfalto quente e pedregulho não se anda descalço. Ou escolho o melhor caminho ou escolho o melhor calçado.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

MENSAGEM ÀS MÃES

Mães são mulheres especiais, mulheres com o dom divino. Sábias e sublimes.

Nunca é demais agradecê-las por tudo que nos deram, gratuitamente, sem nenhum interesse pessoal e sem cobrança.

São dedicadas, zelosas e compreensivas. Amam pelo poder do amor.

É nossa maior aliada em qualquer circunstância ou adversidade.

Existe um dia para rendermos nossa homenagem a esta grande e maravilhosa mulher. O 2º domingo de maio. Mas este dia é só no calendário.

As mães não podem ter apenas um dia para que sejam lembradas, mas sim, a todo instante de suas vidas. Nos segundos, minutos, horas, semanas, meses, anos e séculos.

Mãe: Palavra pequena, mas com um significado infinito. É puro amor, é dedicação, é renuncia a si própria, é força e sabedoria.

O dom de mãe não foi só por dar à luz. Esse dom é especial. É algo que vem de Deus. É o entregar-se à sua cria de corpo e alma. É o despedaçar-se para consertar o outro. É o remendar-se dia após dia. É o deixar de existir em prol de seu ente amado.

Devemos ajoelhar a seus pés para, humildemente, agradecê-las.

Pedir aos céus todas as bênçãos a esta santa mulher.

Quem as tem na terra agradeça a Deus por isso. Algumas pessoas, sequer, conheceram as suas. Outras já estão no céu, pois, não existe outro lugar que não seja esse. De lá, olham e amparam. Continuam cuidando.
Agradeça sempre pela mãe que tem. Ela educa, orienta, afaga e ama. Fica noites a fio à espera do filho que não chega.

Não dorme quando tem alguém doente na família.
Sofre por todos. Sofre calada, sofre sozinha e não reclama. Doa seu suor e sua lágrima por puro e pleno amor.

Se Deus deixou alguém aqui na terra para representá-lo, para seguir com as suas obras, para doar-se como ele se doou, para fazer o bem sem nada em troca, para amar mesmo sabendo que não exista retorno. Para morrer e dar a vida ao seu filho. Podemos dizer, sem nenhum medo de errar, este alguém a chamamos de MÃE.

Nossa homenagem às mães que já partiram para junto de DEUS.

A saudade bate mais forte no peito. Na ânsia de lhe encontrar os pensamentos voam mais alto. Voam até o infinito do céu e lá finalmente a encontramos. Lindas, majestosas! Agora fazem parte daquela maravilhosa constelação de estrelas: Ela é a estrela maior!

O desejo do abraço carinhoso e acolhedor só aumenta. Que saudades!

Não importa o tempo da partida, as lembranças continuam vivas. O tamanho da falta não tem medida. É imensurável.

Mãe é semente na mente de seu ente.
Mãe é ternura na calma e doçura na alma.
Mãe é o berço, é o colo, é o afago.
É o poema, é a rima, é o riso que anima.
É o conselho, é a luz, é o caminho.
É o doce e o mel.
É a mais querida na terra e a mais amada no céu.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

MULHER EMPREENDEDORA

És mulher, rainha e protetora,
Avó, mãe, filha e tutora.
Dona de casa e empreendedora,
Corajosa e desafiadora.

Investe na malha e no bojo,
Faz bem feito com esmero e arrojo.
Sendo doce ou salgado o sabor do tempero,
Dignifica com arte o povo mineiro.

Em Guaranésia está dando o recado,
Saiu do papel e já está no agrado.
Com a sã consciência do que esperado,
Caminha com classe o destino traçado.

A virtude feminina se manifesta,
Cada uma caminha no que lhe interessa.
No ritmo da dança ou no clima de festa,
Abrem caminhos porque o futuro tem pressa.

A mulher empreendedora já tem o seu lugar,
Mas manteve inteirinho o seu poder de amar.
Veio ao mundo para multiplicar e somar,
Como mulher, ainda canta as cantigas de ninar.

Oh! Mulher e rainha!
Do pedaço da costela fizeste inteirinha.
Fostes tu, outrora, batalhadora e guerreira,
Vencedora, não és segunda, és sempre a primeira.

Queiramos ou não,
A mulher já garantiu o seu lugar.
Na passarela, na empresa ou no lar,
Veio ao mundo para empreender e encantar.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

FRASES E PENSAMENTOS ÉLCIO JOSÉ MARTINS
Não posso ter mais e nem ser melhor que o outro, mas posso melhorar a mim mesmo.
Élcio José Martins
Sorrir é arte, então, seja o artista do riso.
Élcio José Martins
Não estressar ou ficar ansioso por algo que não deu certo no trem da vida, é salutar. Quem sabe o nosso lugar esteja no próximo trem ou noutro vagão!
Élcio José Martins
Esquecer um pouco de suas atribulações, desalentos e preocupações, com certeza, seus problemas ficarão menores.
Élcio José Martins
Não fique triste porque o sol se pôs, outros também precisam de seu afeto. Foi aquecer outros corações...
Élcio José Martins
Se seu sorriso faz alguém feliz, não seja mesquinho, continue sorrindo!
Élcio José Martins
Comprar bem ou vender bem!
Quando compro bem aumento a margem de lucro, quando vendo, mantenho a empresa viva. Ambos são importantes, mas se não vender, não adianta comprar bem. Vender é arte, portanto merece aplauso. E não esquecer que comprar bem, aumenta a margem de lucro e facilita o poder de negociação. Ambos tem a sua importância e nada pode ser negligenciado.
Élcio José Martins
PLANTIO...
Plantei o amor e colhi a saudade;
Plantei a saudade e colhi a vida;
Plantei a vida e colhi a esperança;
Plantei a esperança e colhi o amor...
Élcio José Martins

A MÁSCARA
A MÁSCARA ESCONDE O QUÃO FEIO É POR DENTRO.
NÃO HÁ RAZÃO PLAUSÍVEL PARA SE ESCONDER O BELO.
Élcio José Martins

O PRESENTE É O NÓ
É NO PRESENTE QUE SE DÁ O NÓ!
Élcio José Martins

ANDAR COM OS MEUS PÉS
Comprarei os meus sapatos, mas andarei com os meus pés. Preferível ser escravo de minhas escolhas, do que deixar que outro, escolha por mim.
Élcio José Martins

À ESPERA DO BOM FUTEBOL
Estranho como uma classificação e uma desclassificação tiveram valores invertidos. O jogo que o Santos empreendeu ontem superou em muito a classificação do Corinthians. O valor da despedida santista foi maior que a continuidade Corinthiana. Por que? Estamos ávidos do bom futebol. Ontem o Santos futebol clube nos trouxe um pouco da lembrança da qualidade que tínhamos e que se perdeu nas últimas décadas. Quiçá o bom futebol retorne aos nossos gramados, onde a Vitória será não apenas do time que ganhou, mas a Vitória do futebol. Aínda há esperança.
Élcio José Martins

DESEJOS
DESEJO que as estradas da vida estejam livres e asfaltadas; Que o motorista de nossas emoções nos guie com segurança e sabedoria; Que os acostamentos estejam cobertos e jardinados e ajardinados com flores do campo; Que o motor das nossas decisões nos dê forças para vencermos os obstáculos encontrados, e, que os pneus da vontade estejam cheios de sonhos e esperanças...
Élcio José Martins

O AMOR VERDADEIRO
O AMOR verdadeiro não tem limite e nem limítrofe. Não desiste nunca! É generoso e bondoso. Quem ama verdadeiramente nunca perde a esperança. O maior exemplo desse amor é o amor de MÃE. Para esse amor não existe o fundo do poço, nem guerra perdida. Quem ama verdadeiramente acredita, mesmo todos desacreditando. Há algo maior dentro e por dentro dessa magia que só Deus poderia explicar.
Élcio José Martins

Saudade é sinônimo de amor. Só sentimos saudade daquilo que amamos.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

Pare! Olhe! Escute! Pronto! Agora você pode ir...
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

Aquele que sonha o impossível consegue mais do que o possível pensado.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

O limite de cada um é do tamanho de seus sonhos e da vontade de realizá-los.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

A água quente e o amor

Chegou o frio e com ele também veio a busca pela água quente. Na sua normalidade ela é apenas o tempero. Sua mistura com a água fria gera a água morna. Mais ou menos. Ela é necessária, mas quase passa despercebida. Assim é o amor. Na sua normalidade ele também é quase imperceptível, mas ele está ali, temperando. De repente, como a água no frio, esse amor ganha espaço e valor. Ele vira cura, vira alegria, vira vida. Toma conta. Não é mais o tempero apenas. Como a água quente é necessária no tempo frio, assim é o amor. Ele é vital nas derrapadas da vida, nos desencontros e desesperos humanos. O amor nunca desaparece, ele segue vivo temperando a vida e aquecendo a água benta do amor. Surge sempre no lugar e no tempo certo. Ele é o guardião do nosso inverno.
ÉLCIO JOSÉ MARTINS

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

O FRIO
Neste frio danado,
Vem mais forte o resfriado.
O café cai no agrado,
O chocolate dá o recado.

Tomar banho virou tortura,
Água fria é fartura.
Agua quente fez feiura,
Escondeu sua formosura.

O cobertor abandonado,
Agora é querido e amado.
Levantar cedo virou pecado,
Na cama quente viro pro lado.

O casado tem paletó,
O solteiro dorme só.
É uma bela ocasião,
De trazer paz e união.

Mas a roupa traz beleza,
A elegância vira certeza.
O jantar tem mais riqueza,
É mais quente a sobremesa.

Nada há nada a reclamar o
Que a natureza tem pra dar.
Ela sempre foi exemplar,
É o milagre a contemplar.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

A embriaguez do coração bambeia as pernas da razão, gerando de seus tombos, marcas inesquecíveis.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

O QUE SOU? O QUE QUERO? QUAL A RAZÃO DA VIDA?

O que sou me indago,
Quero o amor e o afago.
O que eu sou é uma interrogação,
Quero alegria e muita satisfação.

O que sou falta certeza,
O que eu quero traz beleza.
O que eu sou é instigante,
Quero uma vida estonteante.

Sou menos do que posso,
Tenho mais que mereço.
O que sou eu agradeço,
O que eu quero não tem preço.

Sou a razão do engano.
Sou a emoção do desengano.
Para o outro sou fulano,
Uma agulha no oceano.

A indagação da razão da vida,
Tão efêmera e atrevida,
Traz à luz da consciência,
Um mundo insano de demência.

Uns correm para sobreviver,
Outros apenas para enriquecer.
A morte nos faz entender:
Ande devagar, não precisa correr.

Tanta briga por poder,
Que é difícil compreender.
Estamos aqui sem pedir e querer,
A vida nada mais é do que nascer, sobreviver e morrer.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

Máquinas humanas
Pare! Olhe! Escute!
Pare um pouquinho. Deixe os afazeres por um instante. Respire fundo, sinta o perfume das flores, ouça o cantar dos pássaros. Volte o pensamento para a rotina do trabalho, do dia a dia, do tudo igual.
Pergunte: Onde vou? O que quero?
Olhe: Olhe a beleza da natureza, olhe o céu, o vento. Olhe! Apenas olhe.
Escute! Escute o som do universo. Escute o som dos motores, das máquinas super modernas. Escute os comandos, mandos e ordens. Apenas escute.
A correria desenfreada na busca do cumprimento de metas e contratos; A obediência cega aos costumes e regras; A rotina desgastante exigida e postulada. Tudo, tudo isso nos leva à ação inconsciente do dever natural humano. Somos talhados e ensinados à obediência do fazer mais e melhor. A busca do capital material e intelectual tira o sono, o lazer e o tempo de pensar. É o inconsciente coletivo.
Somos máquinas humanas. Todos os dias ligamos e desligamos o botão de partida. Como papagaios repetimos por anos a fio, as mesmas e doloridas rotinas da sobrevivência.
A vida vai passando, as rugas aparecendo, a enxaqueca que não sara, o infarto de espreita e o tempo diminuindo.
A efemeridade da vida passa despercebida. Por que trabalhamos tanto? Por que queremos aprender cada vez mais? Por que queremos ter sempre mais?
Aprendemos desde criança o valor do trabalho, do estudo e da necessidade da boa formação acadêmica. Ninguém aprende como ser feliz. Não há escola para a felicidade, para usar bem o Domênico tempo livre, para o aproveitamento do tempo de vida.
Corremos, corremos, corremos. De onde partimos e onde vamos chegar! Quando?
Somos um rio que caminha lentamente para o mar. Momentos de calma em seus meandros e momentos de fúria em suas quedas. Flores em suas margens acariciam e deixam seus perfumes. Mas o mar fica cada vez mais próximo. O mar é o final da caminhada.
Como máquinas humanas estaremos, amanhã, e depois, e depois , repetindo tudo de novo. Pois foi assim que aprendemos.
Pare! Olhe! Escute!
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins

Conserte o presente
Se o passado está com defeito, conserte o presente. O futuro estará funcionando.
Élcio José Martins

ElcioJose
Inserida por elciojosemartins