Cecília Fidelli

Encontrados 9 pensamentos de Cecília Fidelli

Na intimidade dos seus estímulos contínuos,
sob seu olhar malicioso,
um misto de calor e desfalecimento.
Tiro certo, da embriaguez ao patamar do amor.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro

Impossível contar a história da minha vida,
sem uma citação especial à poesia.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro

Felicidade.
Acredito.
Descrevo.
Espero ou invento.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro

Recebo seus carinhos como beijos.
Dada a distância... vindos na brisa do vento.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro

A mesa é de Watson Portela,
mas tem tudo a ver com a minha.
Caminhadas paralelas.
Trabalhamos expressões.
Desenhos, palavras.
Chaves de delírios.
Está escrito.
Rompemos as barreiras da alma.
Despertamos sextos sentidos.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro

Ando numa turbulência que parece não ter fim.
Coisas do coração.
Felicidade, infelicidade...
Os sentimentos se alteram quando o amor chega avassalador e se inclina sobre mim.
Faço poemas que se perdem na gaveta.
Arquivo sentimentos que flutuam e me transformam.
Os momentos felizes reavivam o coração e o corpo.
Mas os infelizes,me conduzem à essa audaciosa saudade.
Sou assim. Sou diferente.
Sou poeta.
E poeta vacila, umedece os olhos,fala sozinha, escolhe certo, escolhe errado, age como anjo, se comporta como bruxa.
Engorda, emagrece, cresce e decresce, num estalo.
Mas sempre folheia seus tédios.
Sempre se restabelece.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro

Quando...

Quando te vejo
sinto uma excitação especial.
Quando te vejo,
entro em estado de torpor profundo.
Quando te vejo
sonho acordada.
Quando te vejo,
sinto sua mão
em meu coração,
fazendo carícias.
Quando te vejo,
sinto você em minh'alma.
Quando te vejo
meus desejos disparam
em velocidade surpreendente.
Quando te deixo...
acentua a saudade.
Quando te deixo,
vivencio a falta do meu ar.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro

A vida é assim...
Um dia semente,
outro margarida.
Um dia em primavera,
outro em campo esquecida.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro

Poesia infantil
é gostosa brincadeira.
Tem bexigas, tem palhaços,
pirulitos e chupetas.

Se você não entendeu nada,
tem um jeito, leve a sério.
Volte logo a ser criança,
para não morrer de tédio.

Cecília Fidelli
Inserida por katiacristinaamaro