Cadu Pereira

Encontrados 5 pensamentos de Cadu Pereira

Somente um lúcido, praticaria a tolice de revelar seus almejes.

Cadu Pereira
Inserida por Cadu68

E assim por debaixo dos céus tempestuosos
Ela dizia: ''oh, ohohohoh
Eu sei que o sol deve se pôr para levantar"

Cadu Pereira
Inserida por Cadu68

Ela é um monte de parafernálias e de coisas sem nome, de vida e alma, de raiva e calma, de incertezas, de carência. Ela é puro amor. E não há nada melhor para defini-la, do que "ela", apesar de não haver nenhuma definição pra ela...ela é. O Lírio de minha vida...

Cadu Pereira
Inserida por Cadu68

Não quero ser seu dono, mas quero seu coração preenchendo o meu. Não almejo teus lábios, mas sim teu amor e carinho. Não quero teu corpo, por mais estrutural que seja, mas sim teu sorriso. Não quero matéria, quero alma e tudo aquilo que tens bom para me oferecer, por mais que se negue dar tua sincera atenção, brigarei por isso, vai demorar, ciente disso. Choro todos os dias, sofro calado e não posso fazer nada, Estou totalmente em teus braços, entregue a ti de corpo, alma e não posso fazer nada. Recordo a cena de teus lábios tocando outros, que não são meus, dói, enfraquece e não posso fazer nada. Preciso esquecer, tudo agora e fortalecer-me, acalentar a sofreguidão, andar sozinho, por um tempo; Olhar-me no espelho e ver que o tempo corrompeu-me, com as poesias que escrevia-te tempos atrás e que agora não se passam de palavras enodoadas, em papéis encanecidos.

Cadu Pereira
Inserida por Cadu68

A cada instante meu coração grita teu nome, clama por tua presença, não o culpo por isso, você descoordenou minha mente, já aguardava, você tem magia amor, me enfeitiçou. As vezes não aparenta que me AMA, mas mesmo assim eu continuo tentando. Ainda lembro da nossa primeira troca de olhares, tudo começou com risadas escondidas e olhos fugitivos, com bochechas avermelhadas ao natural. Não é atoa que escrevo-te todas as noites e durante o dia com minha mente desajeitada, que procura de alguma forma juntar todas as palavras, mas no final, tudo se resume ao teu nome, meu Lírio !

Cadu Pereira
Inserida por Cadu68