Adelia Argolo

1 - 25 do total de 64 pensamentos de Adelia Argolo

Razão

Que me vale a razão
ledo engano ,presunção
a verdade que destrói
... a mentira que ainda dói

habitante de um castelo
construiu um mundo belo
sem encantos , desilusão
lugar onde mora a razão

que me vale a santidade
no fim,nada é verdade
obscuro destino oculto
absurdo,absurdo

quem escreveu a vida
não anotou as feridas
resistiu ao dom da morte
inevitável sorte

dentro do cálice de vinho
fez seu sangue derramar
escolhera este dia,para se embriagar

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Permita-se errar,cair e levantar,assim verás também que a queda de outrem não deve ser motivo de tanta especulação.Aprenda a estender a mão,ao invés de usá-la para apontar."

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"A imagem perfeita é aquela ainda não materializada, habita apenas em pensamentos,os quais a cada dia a aperfeiçoa"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

O andarilho

............".entoado pelo vento ,ele demarcava o seu caminho através das árvores ao longo da sua jornada.Esquecera o seu nome ,com a ajuda do tempo perdera a razão-racional, a que os balzaquianos modernos insistem . Não se prendia a conceitos,aliás,a sua mente era deveras viajante no tempo futuro,e os seus passos largos e ligeiros não lhe ofereciam tempo suficiente para pequenas cois...as do pensamento lógico ,comum aos filósofos.
Alguns imaginavam o motivo da sua escolha, por abandonar o "mundo perfeito" e viver a mercê da própria sorte,ensaiando uma vida incerta,cheia de segredos e de medos.Mas ele não pensava assim,teve a oportunidade de fazer as próprias escolhas. Ele escolhera viver o perigo incerto,ao invés do previsível.
Cansado de viver a mesmice contemporânea,as dúvidas da idade,anseios por coisas que chegariam ao fim um dia,as desilusões dos planos não concretizados.
Ele tirou as sandálias e seguiu o caminho do infinito,resolvera atravessar o mar a nado,como forma de não correr o risco de retornar pelo caminho antes percorrido.
Assim,o andarilho,pode escrever a própria história,contando apenas com a sua fé para direcioná-lo rumo ao desconhecido,ao inevitável fim,o qual ele apenas tentou minimizar a forma de ver.Então ele buscou a sí mesmo durante toda a sua vida e quando esta chegou ao fim,ele suspirou e sorriu ,e disse:muito prazer!!"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo
1 compartilhamento

"O poder de persuasão é magnífico,admirável e na maioria das vezes a depender da circunstância ou finalidade é muito importante.Entretanto,muitas vezes corremos o risco de persuadir a nós mesmos e de forma desapercebida nos convencemos daquilo que não somos.Assim são os mentirosos,ao subestimar a inteligência alheia.Então aquele finge que acredita na própria mentira e estes fingem que aceitam ,pior ,aplaudem a desvirtuosa atitude daquele,como forma de conduzí-lo ao estrelismo patético ,pelo qual a maioria das pessoas se empenham tanto em construir".

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Obstáculos , impossibilidades e vendavais não faltarão.Assim também será a presença do meu DEUS"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"NAO FOSSEM AS QUEDAS,NUNCA TESTARIAMOS A CAPACIDADE DE LEVANTAR,NUNCA SABERÍAMOS MEDIR A NOSSA FORÇA"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"As vezes é difícil encarar o caminho de volta, olhamos a jornada percorrida e nenhum tijolo sobrou .Pior ainda é perceber que o nosso físico já não tem o mesmo vigor para reconstruir".

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"A vida nada mais é do que um ensaio para a morte,a nós cabe a escolha da melhor forma de sentir a dor"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Porque sorrir,se a sua vontade é chorar? Porque chorar,se a sua vontade é sorrir? Viva o momento,expresse sem medo o seu estado de espírito.Construa seus próprios conceitos.Não compactue com a hipocrisia,a qual tanto critica.Seja você,sempre você!!

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Não quero ser mais uma na vida,quero tratar as feridas.Não quero paginas coladas.Quero linhas bem traçadas,com inicio,meio e fim"

Adelia Argolo
2 compartilhamentos

Vida passageira

Leve encanto lisonjeira
suave brisa do vento
vive sempre o momento
... guardado em pensamento

Pobre viajante
a estrada o leva distante
nao tem data pra voltar
agora lhe resta sonhar

A vida deixara pra tras
ambulante contumaz
pegadas nunca deixou
o vento sempre apagou

Perdera o ultimo trem
chegara fora de hora
partiu pela vida afora
para nunca mais voltar

Marejados os seus olhos
esqueceu seu coraçao
deixara-o na estaçao
disse adeus a emoçao

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Oh nefasta noite que anuncia o frio !Aquecida pelo vinho cabernet ,embriagada pelos dias ebrios,inspiraçao poética daqueles em cujas linhas constroem o encanto que acende a chama do amor profano(...).Sangue e vinho se misturam,acrescentando um ao outro a sua loucura"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Não haverá plenitude,enquanto alma e espírito permanecerem juntos"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

" A inquietude da alma é reflexo da inconstância natural do ser humano,pela busca do que nunca encontrará"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Desarraigada do jardim,a flor que ali habitava por longas datas,sentiu nas suas folhas a mudança brusca e temporal .Entristecida,ela viajou no mundo pretérito e lembrou-se ainda quando ali chegara.Era outono,e todos os dias sem excessao ela era visitada ,por todos ,inclusive os que a cobiçavam...ironia do destino,com o passar do tempo ,a beleza a que acrescentou ao jardim,já nao era mais notada....Mas havia alguem,que incansável,a regava,e sentia o seu perfume diariamente,a qual contemplava-a pela janela,um sorriso matinal ímpar.Mas naquele dia,em especial,o sol a intrigava com a ausencia desta....então tomada por medo e a inconstancia climatica contumaz das flores,ela permitiu que o vento levasse o seu polem a outros jardins,forma de manter-se viva,nos seus sentimentos.Abandonada ,murchou,perdera o brilho e o perfume . Entregou os seus dias aos cuidados do vento,que ora era importunado pelas chuvas que fazia derramar,em sinal de lágrimas a esperança de um novo florescer

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Ninguém lança pedra em árvore que não dá frutos,por isso me considero uma macieira,cujo clima tem feito frutificar e me tornando exuberantemente frondosa.Obrigada meu DEUS"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"Toda atitude alicerçada na FÉ,resulta na prática de boas obras,mas estas devem interessar somente a DEUS .Fariseus ,não agradam a DEUS:eles estendem as mãos em meio à multidão, para serem reconhecidos,oram em público e as suas esmolas não alimentam,ao contrário,adoecem o ser humano"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"A ausência de humildade, leva o ser humano ao escarnio da sua própria existência.Nossas vestes muitas vezes nos impedem de caminhar"

Adelia Argolo
2 compartilhamentos

"As palavras são tão perfeitas,que conseguem silenciar nos momentos em que não são oportunas".

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"...o espectáculo acabou,mas não para aqueles onde os bastidores escondem enredos,histórias de vida,nunca antes encenadas . A sensaçao da realidade contracena com a fantasia, ensejada sobremodo pela utopia fanática dos sonhadores.O repúdio da platéia reflete a ausência de aplausos,a realidade não expressa as expectativas, dos que buscam um momento fictício,onde nada é proibido.A estes o sonho,àq...ueles a maquiagem esconde o medo,em cuja face reside os seus maiores horrores : realidade mórbida dos seus dias mais tristes.Pobres ,infelizes amantes da literatura ainda não lida,contextualizada em razão da peregrina arte.A vida insiste em contracenar com a fantasia,como num passe de mágica,espreita a ilusão dos pensamentos mais velozes...,as cortinas se abrem."

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"O intrépido voo da águia fora interrompido,pelo curso amoral do tempo.Ela refugiou-se na montanha mais alta,a qual tornou-se fiel confidente e silenciosa amiga.Aceitara a metamorfose que lhe fora imposta,masoquismo furtado pelas dores e sangue escorridos em meio à convulsão de pensamentos,tornando-a tal qual a rocha,fria ,aparente .A altitude congelara o seu coração,cuja inércia a impedia de voar:o voo celebrado pelas águias,onde os olhos permeiam distancias sonhadas apenas pelos não humanos"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"...sucumbida pelo desejo eminente d'alma,ela correu desesperadamente refugiando-se em sí mesma,amargurada ,contida em seu amago.Deveras exuberante,bailou em torno do seu próprio som,o qual só ela decifrava(...).Do lado de fora,apenas ruídos das arvores anunciavam a presença do vento intempestivo.A lareira aquecia o frio, maculado pelas emoções ensandecidas.Oh, insana rebeldia que atende pelo nome SOLIDÃO"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"...e levada pelo sentido ilógico da vida,fatores alheios a sua vontade e conceitos conservadores,ela já não suportava o balanço do barco que a fazia vomitar...,então decidiu acreditar nas suas próprias forças(nada mais lhe restara).Chovia muito e a neblina não lhe dava esperanças. Pulou sem noção exata ,nem visão de terra a vista,nadando confiantemente em busca dos seus sonhos. O medo tentou persuardir a sua alma,mas ela se despediu desta,enganou a morte e atingiu a margem.Vislumbrou todo o mar percorrido e as grandes ondas que ao final conspiraram para lhe impulsionar até a margem. Ela olhou para o céu e sentiu que não chegara ali sozinha,sorriu e adormeceu,em busca de mais um sonho"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo

"O medo,não nos torna diferentes,apenas testifica que somos simplesmente humanos"

Adelia Argolo
Inserida por AdeliaArgolo