Textos de Che Guevara

Cerca de 8 textos de Che Guevara

Eu creio que a primeira coisa que deve caracterizar um jovem comunista é a honra que se sente por ser jovem comunista. Essa honra que o leva a mostrar-se a toda gente na sua condição de ser comunista, que não o submete à clandestinidade, que o não reduz a fórmulas, mas que ele manifesta em cada momento que lhe sai do espírito, que tem interesse porque é o símbolo de seu orgulho.

Junta-se a isso um grande sentido do dever para com a sociedade que estamos construindo, para com os nossos semelhantes como seres humanos e para com todos os homens do mundo.

Isso é algo que deve caracterizar o jovem comunista. Paralelamente, uma grande sensibilidade a todos os problemas e uma grande sensibilidade em relação a justiça.

Che Guevara
114 compartilhamentos

O socialismo não é uma sociedade beneficente, não é um regime utópico, baseado na bondade do homem como homem. O socialismo é um regime a que se chega historicamente e que tem por base a socialização dos bens fundamentais de produção e a distribuição equitativa de todas as riquezas da sociedade, numa situação de produção social. Isto é, a produção criada pelo capitalismo: as grandes fábricas, a grande pecuária capitalista, a grande agricultura capitalista, os locais onde o trabalho humano era feito em comunidade, em sociedade; mas naquela época o aproveitamento do fruto do trabalho era feito pelos capitalistas individualmente, pela classe exploradora, pelos proprietários jurídicos dos bens de produção.

Che Guevara
182 compartilhamentos

Que importa onde a morte nos irá surpreender! Que ela seja benvinda, desde que nosso grito de guerra seja ouvido, que uma outra mão se estenda para empunhar nossas armas e que outros homens se levantem para entoar cantos fúnebres em meio ao crepitar das metralhadoras e novos gritos de guerra e de vitória!

Che Guevara
130 compartilhamentos

Mas vocês, estudantes de todo o mundo, jamais se esqueçam de que por
trás de cada técnica há alguém que a empunha e que esse alguém é uma
sociedade e que se está a favor ou contra essa sociedade. E que mesmo
quando não se fala de política em nenhum lugar, o homem político não
pode renunciar a essa situação imanente à sua condição de ser humano.
E que a técnica é uma arma e que quem sinta que o mundo não é tão
perfeito quanto deveria ser deve lutar para que a arma da técnica seja posta a serviço da sociedade, e antes, por isso, resgatar a sociedade, para que toda técnica sirva à maior quantidade possível de seres humanos, e para que possamos construir a sociedade do futuro - qualquer que seja seu nome [...].

Che Guevara

Queremos construir o socialismo. Nos declaramos partidários dos que lutam pela paz. Nos declaramos dentro do grupo de países não alinhados, apesar de sermos Marxistas Leninistas, porque os não alinhados, como nós, lutam contra o imperialismo.
Queremos paz. Esta nova disposição de um continente de América está afirmada e resumida no grito que dia a dia nossas massas proclamam como expressão irrefutável da sua decisão de lutar, paralisando a mão armada do invasor. Grito que conta com a compreensão e o apoio de todos os povos do mundo, especialmente do campo socialista liderado pela União Soviética. Esse grito é: pátria ou morte!

Che Guevara

O nome de Cuba soa também pelos campos de outros países do mundo que lutam pela sua liberdade, significando sempre o mesmo: a imagem do que se pode conseguir com a luta revolucionária. A esperança de um mundo melhor, a imagem pela qual vale a pena arriscar a vida e sacrificar-se até a morte nos campos de batalha de todos os continentes do mundo. E não só nos países da América mas em todos os países do mundo em que se desenvolva a luta revolucionária.
Eles tentaram massacrar a Argélia mas a Argélia é livre. Hoje tentaram liquidar o povo do Vietnã, mas o povo do Vietnã é mais forte que eles. O povo do Vietnã continua, dia a dia, conseguindo novas vitórias sobre o imperialismo, cobrando também o sangue de seus soldados, a imensa quantidade de vítimas que o imperialismo faz entre o povo do sul do Vietnã. E a luta continua e continuará até à vitória.

Che Guevara
Inserida por pensador

“Queridos filhos, cresçam como bons revolucionários. Lembrem-se que cada um de nós, sozinho, não vale nada. Sobretudo, sejam sempre capazes de sentir profundamente qualquer injustiça cometida contra qualquer pessoa, em qualquer parte do mundo. Esta é a qualidade mais linda de um revolucionário”.

(Última carta de Che Guevara para seus filhos e filhas)

Che Guevara
Inserida por kimberlycarlos

El odio como factor de lucha; el odio intransigente al enemigo, que impulsa más allá de las limitaciones naturales del ser humano y lo convierte en una efectiva, violenta, selectiva y fría máquina de matar. Nuestros soldados tienen que ser así; un pueblo sin odio no puede triunfar sobre un enemigo brutal.

Che Guevara