Sigmund Freud

Cerca de 193 frases e pensamentos: Sigmund Freud
Sigismund Schlomo Freud (1856-1939), conhecido por Sigmund Freud, foi um médico e psicólogo austríaco. Foi o fundador da Psicanálise.

Sigmund Freud afirmou categoricamente que:

“Todos os sonhos têm o sonhador como centro. Os sonhos são absolutamente egoístas.”

E, ele tem razão. – por mais que se queira evitar o sentimento de sonho na vida, mais esse sentimento avança em nós. – não há como evitar.

Ter desejos, querer sonhar, faz parte da vida, faz parte da nossa estrutura de corpo, alma e espírito. – sabemos também que sonhar é um direito nosso. – todo mundo tem o direito de sonhar. – se todo mundo tem o direito de sonhar, todos nós podemos sonhar, mesmo que jamais possamos alcançar nossos sonhos.

Mas, dificilmente temos a capacidade de sonhar incluindo todas as pessoas nos nossos sonhos. – é bem verdade que, dentro dos nossos sentimentos e pensamentos, poderemos incluir várias pessoas no universo do nosso sonhar, mas não serão todas as pessoas que serão incluídas, isso poderá acontecer por negligência ou por não termos a capacidade e/ou sensibilidade de lembrar, sentir e incluir uma grande quantidade de pessoas no mundo dos nossos sonhos. – acredito que isso deva ocorrer porque lembramos em primeiro lugar de nós mesmos, depois, das pessoas que possam provocar em nós os melhores momentos da nossa vida, os melhores lugares, as infindas e mais requintadas possibilidades para que tudo seja vivenciado realmente dentro de uma realidade de sonho.

Eu sei que não é fácil abrir mão daquilo que queremos mais que tudo nesta vida, caso não seja possível incluir as pessoas que precisam ser parte dos nossos sonhos. – No entanto, se observarmos bem o que diz a advertência do Professor Freud, escolher se seguimos com os nossos sonhos ou se os deixamos de lado, para nós não será nenhum bicho de sete cabeças. – assim sendo, é aqui que está a definição.

Algumas pessoas vão seguindo na vida realizando seus sonhos individuais e coletivamente em meio às pessoas que foram incluídas neles e longe das que não foram incluídas.
Outras pessoas facilmente descartam os sonhos que, nos quais, pessoas não podem ser incluídas e/ou mesmo nem imaginadas, entretanto, carecem de participação nos sonhos das pessoas que sonham.

Outra realidade recorrente são as pessoas que não sonham porque nem sabem que isso existe. – elas não sabem, talvez porque se conformaram com a situação da própria vida, da vida dos seus ascendentes, descendentes e, também, da localidade que não lhe permite pensar e/ou sentir qualquer outro pensamento e/ou sentimento.

Bom mesmo é poder sonhar. – sonhar faz bem para a alma de quem sonha, faz bem para o espírito de quem sonha, faz bem para o corpo de quem sonha. – todavia, sonhar só ou junto com outras pessoas, pode ser um grande perigo, se só, quiçá, podemos cair num mundo de egoísmo, descartando todas as pessoas que não nos proporcionam paz, alegria, prazer, lealdade, cultura, liberdade, possibilidade, motivação, orientação, ajuda, riqueza, beleza, amor, esperança, fé, descanso, e, tantas outras necessidades que nossa mente, nosso corpo e espírito necessitam principalmente de maneira egoísta. - sonhar só, poderá trazer a quem sonha mais vida em todos os sentidos, porém, as pessoas que fazem parte da nossa vida diária, se não forem incluídas no dia a dia dos nossos sonhos, poderão sucumbir pelo caminho da nossa existência. – isto ocorrendo, certamente não será percebido por nós que fomos embalados nos nossos sonhos.

Por outro lado, se resolvermos sonhar conjuntamente com as pessoas que estão à nossa volta, junto com as que fazem parte da nossa realidade de vida, no caminho, talvez, ocorra algum tipo de contenda e, por isso, os sonhos poderão deixar de existir.

Eu sei que sonhar não é para qualquer pessoa. – sonhar é um presente que acontece dentro de nós. – esse presente vem de Deus para nós. – não me pergunte por que Deus não contempla todas as pessoas com a capacidade de sonhar.

Na história da vida, vemos que homens e mulheres sonharam e com seus sonhos ajudaram milhares de pessoas no mundo. – outras pessoas sonharam sozinhas e viveram seus sonhos dentro da mais íntima e intensa capacidade de sonhar... realizando todos os sonhos inerentes a elas mesmas.

Muitas outras sonharam e tudo não passou de meramente sonhos, não realizaram seus sonhos e nem levaram outras pessoas às realizações.

Houve ainda as que sonharam, elas mesmas não realizaram os sonhos que tinham, mas outras pessoas apegadas aos sonhos sonhados por aquelas conseguiram e conheceram a realização de cada um deles.

Sabemos que é difícil sonhar, realizar os sonhos, como, também, levar pessoas ao entendimento dos nossos sonhos e, se, caso seja necessário a contribuição delas para a realização dos sonhos, mais perto do impossível há de se caminhar dia após dia sem jamais alcançar qualquer meta relativa aos sonhos pessoais e junto com as pessoas que nos são valiosas.

Tenho medo de sonhar embasado no meu egoísmo e/ou no egoísmo de alguma pessoa em detrimento de outras pessoas.

De regra ouvimos as pessoas dizerem: “Cada um (a), cada um (a), o sonho é meu e vou nesse meu sonho, a vida é minha e quem gosta de mim sou eu mesmo (a), a vida é curta e quem não aproveita as oportunidades fica sem.” – assim eu não consigo andar, sonhar e realizar. – aprendi a distribuir um pouco dos meus sonhos com as pessoas que precisam deles. – pode ser que, por causa disto eu nunca alcance todos os meus sonhos. – mas de uma coisa eu sei, ajudo muitas pessoas ensinando-as os caminhos dos sonhos onde tudo é possível, onde as coisas de fato acontecem, lugares de vida, de bons sentimentos, de bons pensamentos, de realizações dentro e fora da capacidade delas e da minha capacidade também, mostro-lhes o entendimento de que nossa vida é passageira e que o pouco que temos poderá ser dividido entre nós e abrangente às pessoas que têm menos capacidade ainda, mostro-lhes que, mais importante é a vida, e, que, a vida não é pautada no ter, no entanto, a vida pauta-se no ser, e que é no ser que estão todas as riquezas. – não sou comunista e nem socialista, creio que nem mesmo um democrata, estas ferramentas são fracas, elas mesmas não conseguiram fazer-nos avançar nos nossos sonhos, as pessoas estão morrendo por falta de amor, fraternidade, calor humano, sem misericórdia, sem esperança, sem ajuda, sem orientação, sem educação, sem dignidade, sem apoio, sem o mínimo possível para que haja vida na vida.

As pessoas quando estão dentro dos seus ambientes, não pensam em ninguém, na verdade elas não querem nem mesmo contato com as que não alcançaram patamares idênticos e/ou superiores. – tudo isso acontece por causa dos sonhos.

Com tudo isso, chego a uma humilde conclusão, sonhar é bom, mas se nossos sonhos partem de pressuposto que se baseia no egoísmo, melhor mesmo é ficar sem sonhar.

Inserida por GilNunes

Sigmund Freud afirmou categoricamente que:

“Todos os sonhos têm o sonhador como centro. Os sonhos são absolutamente egoístas.”

E, ele tem razão. – por mais que se queira evitar o sentimento de sonho na vida, mais esse sentimento avança em nós. – não há como evitar.

Inserida por GilNunes

Sigmund Freud disse uma vez, "todo ser humano ateu, não é um ateu é um atoa". Anos mais tarde, Freud tornou-se um atoa também... Mas eu o entendo. Tem de ser forte para acreditar no inverossímil, ser atoa é a forma mais fácil, pacata e baixa de ver a vida sem imaginação. Sem imaginação não há criatividade, e sem criatividade não há progresso ou evolução.

Inserida por Fabi16

⁠"Sigmund Freud comparava o inconsciente como uma grande escavação da arqueologia e a partir desse pensamento metafórico, compreendo o inconsciente como algo infinitamente complexo e instigante, em que cada descoberta, um novo enigma a desvendar."

Inserida por RenataGodoyMdeMelo

Tempo ao Tempo.
Sigmund Freud.

Freud explica?
Talvez hoje ficaria confuso.

Inserida por FRabello

Tempo ao Tempo.
Freud ou Jung?

- Sigmund Freud ou Carl Jung?
- Os dois...

Inserida por FRabello

⁠Respondam-me

Possível ou apenas imaginário, o que diria Sigmund Freud?
Consigo ver o seu rosto ele parece estar tão próximo, tão meu,
Engolido pela escassez daquele tal sentimento bom, as ilusões tem sido implacáveis com a minha dor, por vezes o meu melhor alimento,

Atravessando mundos sem tempo para lamentos, cheguei em meio a belos campos de girassóis, o vento está a sacudir o teu vestido a altura dos joelhos, o Sol é nosso grande amigo neste momento, pois através dele consigo enxergar a pureza no teu olhar,

Tocar tuas mãos me aliviam a alma, o teu cheiro me atrai como o cheiro do girassol atrai as abelhas, te ver caminhar é um show particular,
A cortina de girassóis esta se fechando, nuvens estão escondendo o graduado holofote, o teu belo rosto esta sumindo lentamente deixando o pingo do medo e do silêncio ganharem força.

Sem plateia, sem audiência, e sem bloqueios, ecoa o possível, o imaginário, ou os dois concomitantemente?

Inserida por Ricardossouza

⁠Christian Sigmund Freud: a sublimação da mente humana Uma visão psicanalítica da noção de impotência humana de Freud explora e descobre que a religião, a ciência e a arte são as respostas para os problemas humanos.

Inserida por cesarpinheiro

Sintomas revelam-se como representações convertidas de fantasias que têm por conteúdo uma situação sexual.

“O sonho é uma realização (disfarçada) de um desejo (suprimido ou recalcado)”

O homem pode defender-se dos ataques; contra o elogio se está sempre indefeso.

Inserida por carlos13adriano

O valor da transitoriedade é o valor da escassez no tempo. A limitação da possibilidade de uma fruição eleva o valor dessa fruição.

Inserida por psicanalise

⁠O psicanalista se autoriza a clinicar quando se coloca na posição de sujeito, que além de fazer análise, caminha para além das descobertas freudianas e de seus dissidentes.

Inserida por aeuzebiopsi