Poemas de Antoine de Saint-Exupéry

Cerca de 181 poemas de Antoine de Saint-Exupéry

Estou farto de ter medo de que arruínem a minha obra aqueles que eu não consigo cobrir. Sei que eles ameaçam os outros e conheço os discutíveis benefícios da minha verdade provisória, mas nem por isso ignoro que eles são nobres e portadores de verdades.

Antoine de Saint-Exupéry

O ódio não passa de insatisfação. Todo ódio tem um sentido profundo, que aliás o domina. As diversas ervas odeiam-se e comem-se uma às outras, mas não a árvore única, onde cada ramo aumenta com a prosperidade dos outros.

Antoine de Saint-Exupéry

Não podes ensinar-me uma verdade que domine todas as verdades particulares deles e as acolha todas no seu seio? Se, destas ervas que se devoram umas às outras, eu fizer uma árvore que uma alma única anime, então este ramo aproveitará da prosperidade do outro ramo e toda a árvore será apenas colaboração encantadora e expansão ao sol.

Antoine de Saint-Exupéry

“Na minha civilização, aquele que é diferente de mim não me empobrece; me enriquece”

Antoine de Saint-Exupéry

A idade do homem é algo impressionante. É um resumo de sua vida: a maturidade é alcançada lentamente e sobre muitos obstáculos, doenças curadas, perdas, desesperanças superadas e riscos assumidos inconscientemente; a maturidade formada por tantos desejos, esperanças, remorsos, coisas esquecidas, amores. A idade do homem representa uma carga preciosa de experiências e memórias.

Antoine de Saint-Exupéry

Seria inútil plantar um carvalho na esperança de ter, em breve, o abrigo de suas folhas.

Antoine de Saint-Exupéry

Só estou disposto a salvar aquele que aceita ordenar-se em volta do pátio interior, da mesma feição que o cedro se edifica em volta da sua semente, e fica a dever o desenvolvimento aos seus próprios limites. Estou disposto a salvar aquela que, em vez de amar a primavera, ama a ordem desta ou daquela flor em que a primavera se encerrou; que não ama o amor, mas sim este ou aquele rosto particular que contraiu o amor.

Antoine de Saint-Exupéry

Foi ele, e não outro, que me ensinou a morte e me obrigo, quando eu era moço, a olhar para ela cara a cara, porque nunca ele foi pessoa para baixar os olhos. O meu pai era da raça das águias.

Antoine de Saint-Exupéry

- A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. Compram tudo prontinho nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos, os homens não têm mais amigos. Se tu queres um
amigo, cativa-me!
- Que é preciso fazer? perguntou o principezinho.
- É preciso ser paciente, respondeu a raposa. Tu te sentarás primeiro um pouco longe de mim, assim, na relva. Eu te olharei para o canto do olho e tu não dirás nada. A linguagem é uma fonte de mal-entendidos. Mas, cada dia, te sentarás mais perto...
No dia seguinte o principezinho voltou.
- Teria sido melhor voltares à mesma hora, disse a raposa. Se tu vens, por exemplo, às quatro da tarde, desde às três eu começarei a ser feliz. Quanto mais a hora for chegando, mais eu me sentirei feliz. Às quatro horas então, estarei inquieta e agitada: descobrirei o preço da felicidade!

Antoine de Saint-Exupéry

⁠É realmente na solidão que o homem se revela a si mesmo, pesa suas possibilidades e amadurece para a ação.

(Em Saint-Exupéry e o céu sem limite, de Irmã Rosa Maria)

Antoine de Saint-Exupéry
Inserida por piva_ja

Ninguém te sacudiu pelos ombros quando ainda era tempo. Agora, a argila de que és feitos já secou e endureceu e nada mais poderá despertar em ti o místico adormecido ou o poeta ou o astrônomo que talvez te habitassem.

Antoine de Saint-Exupéry
11 compartilhamentos

Não pedimos para sermos eternos, mas apenas para não ver os atos e as coisas perderem subitamente o seu sentido.

Antoine de Saint-Exupéry

"Um desenhador sabe que chegou á perfeição,quando não tem nada mais para adicionar,nem nada mais para retirar."

Antoine de Saint-Exupéry

É certo que, quanto mais rude é o trabalho em que te consomes, em nome do amor, mais ele te exalta. Quanto mais te dás, mais cresces.

Antoine de Saint-Exupéry

“Disse a flor para o pequeno príncipe: é preciso que eu suporte duas ou três larvas se quiser conhecer as borboletas.”

Antoine de Saint-Exupéry

Nenhum incidente isolado pode despertar dentro de nós um estranho totalmente desconhecido. Viver é nascer lentamente.

Antoine de Saint-Exupéry

É muito mais difícil julgar a si mesmo que julgar aos demais. Se você conseguir julgar-se corretamente será um verdadeiro sábio.

Antoine de Saint-Exupéry

Para que negá-lo? Também já vi gente que fugia da morte, impressionada de antemão pelo confronto. Mas é bom que vos desenganeis: aquele que morre, nunca eu o vi amedrontar-se. Se assim é, para que os hei de lastimar? Para que chorar o seu acabamento? A perfeição dos mortos! Não conheço eu outra coisa.

Antoine de Saint-Exupéry

Eis o meu segredo: só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos. Os homens esqueceram essa verdade, mas tu não a deves esquecer.

Antoine de Saint-Exupéry

Não tenho o direito de dizer ou fazer qualquer coisa que diminua um homem aos seus próprios olhos. O que importa não é o que penso dele, mas o que ele pensa de si mesmo. Ferir um homem em sua dignidade é um crime.

Antoine de Saint-Exupéry