Karla Moreno: Eu sei que não existem amores iguais....

Eu sei que não existem amores iguais. Cada um carrega uma importância ímpar. Uma necessidade que um outro não possui. Uma história carregada de coisas boas e inesquecíveis. E eu também sei que amores vêm e vão. Mas nunca senti um amor chegar tão avassalador como quando você apareceu pra mim. Uma coisa que se instalou e cresceu. Antes, eu ainda podia controlar minhas emoções. Minha saudade era moderada. Minha vontade de te ver era um sentimento natural. Eu poderia passar algumas horas sem saber de você, mas sabia que estaria ali no final do dia, e que eu veria o seu rosto e pegaria na sua mão antes de me despedir. Eu sabia que no dia seguinte você se sentaria ao meu lado e tudo voltaria a fazer sentido. Nada importava. Isso fazia nossos momentos serem únicos. Nossas dificuldades eram camufladas na capacidade que um tinha de fazer o outro ficar confiante. E nossos objetivos foram alcançados no mesmo ritmo, mas por caminhos diferentes. Deve ser por isso que, hoje, mal consigo controlar o que sinto e o que se passa no meu coração quando é em você que o meu pensamento para. Minha saudade é totalmente descontrolada. Minha vontade de te ver é surreal. E por passar horas, dias, semanas, meses sem tocar em você, a única coisa que as minhas noites imploram é sentir aquele teu beijo na minha mão antes de eu subir as escadas. Podia até sentir o gosto através da pele. Mas, hoje, o vazio da cadeira ao lado só me deixa o gosto amargo que a sua falta causa na minha boca. Saiba que foi com você que aprendi a unicidade do amor. Assim como sei que não existe abraço igual. Nem beijo. Nem olhar. Nem cheiro. Nem presença. Existe a pessoa que possui tudo o que você precisa pra se sentir completo. A voz que você precisa ouvir antes de pegar no sono. O prazer que nunca experimentou antes e que não cabe sentir com mais ninguém. Sacrifícios e recompensas que a vida te deixa escolher. Existem amores. E existe o que eu sinto por você.

1 compartilhamento
Inserida por KarlaMoreno