Smith: (Serenata) Meu pranto rega árvore da...

(Serenata) Meu pranto rega árvore da solidão e minha alma serena tem obrigação de colher os frutos de uma guerra tola.Na casa da hipocrisia não sei mais o que é... Frase de Smith.

(Serenata)

Meu pranto rega árvore da solidão e minha alma serena tem obrigação de colher os frutos de uma guerra tola.Na casa da hipocrisia não sei mais o que é paz.

Com palavras já não posso me declarar, todo o tempo não serve mais a mim,bato na porta da casa engraçada,mais não costumam receber visita na madrugada, e lá vem o ódio me fazer companhia e de quebra a noite me trazendo uma nova mortalha.

A irá noturna nem sempre vem me visitar e quando mais preciso não consigo acorda.A hora do Adeus novamente chegou, mais uma carta de amor nunca dirá quem eu sou.

E na manhã seguinte tudo acaba em oração, mais uma graça alcançada,cansada da opressão.

1 compartilhamento
Inserida por Htims