Pâmella Ferracini: Palavras ao vento III Palavras, cada um...

Palavras ao vento III

Palavras, cada um de nós somos donos das nossas palavras. Umas nos ajudam a sermos mais flexíveis, e outras, nos prejudicam. A utilização errada de uma palavra, pode por fim em uma história. E a forma correta, pode lhe render uma bela página em sua vida. Creio que a forma mais fácil de tocar no coração de alguém, começa sempre com palavras.

Mesmo que passe anos, e o mundo mude, palavras ditas na hora certa, para a pessoa certa, pode ser a ação mais doce, e bem realizada. Principalmente, se as palavras ditas forem; eu te amo. Quem disse que o amor está instinto? O amor está carregado de palavras, está escondido . mas, não esquecido entre os lábios .

Sua pronuncia ainda que difícil, ainda vive, mesmo fraca, mesmo pequena, ela existe. Palavras, como controlá-las? Quando nos damos conta, já as dissemos, e o estrago está feito. Voce é responsável por aquilo que diz, então, seja responsável também pelas conseqüências. Palavra, o caminho mais curto que alguém pode encontra para destruir o encanto da madrugada .

1 compartilhamento
Inserida por PamellaFerracini