Pâmella Ferracini: Medo de amar Flores se abrindo pela...

Medo de amar Flores se abrindo pela manhã, O vento suave pela face... Os olhos cheios de lágrimas, Um só pensamento, um só desejo A espera de você, e o fim do m... Frase de Pâmella Ferracini.

Medo de amar



Flores se abrindo pela manhã,
O vento suave pela face...
Os olhos cheios de lágrimas,
Um só pensamento, um só desejo
A espera de você, e o fim do medo.

Coração apertado, boca seca
Borboletas no estômago,
E meu amado que não chega!

...

O fim da tarde se aproxima,
O meu sonho se inicia.
Ouço passos na escada, é ele quem vem...
Deixo aberta a porta, para o encontro do amor.

Meu maior medo, é de ser feliz,
O hoje eu conheço, mais e o amanhã ?
O amanhã não importa,
Importa o hoje, e o AGORA !

1 compartilhamento
Inserida por PamellaFerracini