Erasmo de Roterdã: Dissimular, enganar, fingir, fechar os...

Dissimular, enganar, fingir, fechar os olhos aos defeitos dos amigos, ao ponto de apreciar e admirar grandes vícios como grandes virtudes, não será, acaso, aviz... Frase de Erasmo de Roterdã.

Dissimular, enganar, fingir, fechar os olhos aos defeitos dos amigos, ao ponto de apreciar e admirar grandes vícios como grandes virtudes, não será, acaso, avizinhar-se da loucura?

Erasmo de Roterdã , "Elogio da Loucura". eBooksBrasil.com, 2002.
28 compartilhamentos
Inserida por ViniciusRV