Paloma Almeida: Quando chega a noite e eu olho na minha...

Quando chega a noite e eu olho na minha janela, eu lembro de tudo que você foi e o que você é agora. Como podem as coisas mudarem tão depressa? Ontem eu era uma menina indefesa que se apaixonou pelo seu sorriso, hoje eu sou uma mulher “madurinha” que sofre a sua ausência. Quando paro pra pensar nisso é que realmente acredito na frase “tudo muda de lugar”. O que eu era ontem já não faz mais parte de mim hoje. Quando as pessoas me falavam “você amadureceu” eu sempre pensei que falavam isso pra me agradar, mas hoje vejo que isso é a mais pura verdade. A cada dia que passa aprendo mais, cresço mais, aos poucos vou entendendo o sentido da vida. O que antes para mim era nascer, crescer, envelhecer e morrer, hoje não, hoje minhas ideias vão muito além disso, hoje eu sei que cada erro que cometemos é preciso para aprendermos a acertar, e que cada decepção e tristeza que nos afetam é preciso para amadurecermos! A vida realmente é uma “coisa” difícil de se descrever e entender, talvez seja até impossível, mas o que hoje eu sei é que nessa Terra só estamos de passagem, e tudo de ruim que acontece conosco é necessário por algum motivo, seja para crescermos, para amadurecermos, nos tornarmos alguém melhor, enfim, tudo é aprendizagem. Viver é a melhor escola que existe, porque no fundo quem ensina e aprende somos nós mesmos!

1 compartilhamento
Inserida por palomaalmeida