Mariana Ribeiro Vieira: Eu finalmente desisto de querer mudar...

Eu finalmente desisto de querer mudar você. Desisto porque eu preciso desistir, porque já não me atrai insistir numa causa que já está há muito perdida, afinal de contas, se durante todo esse tempo eu não fui capaz de fazer a mínima alteração no seu corte de cabelo, que chances eu teria de mudar o seu jeito de ser? E sabe o quê? No que me diz respeito, você nem precisa. Porque eu adoro suas qualidades, mas gosto mesmo é dos defeitos. De todos eles, um por um.Eu amo o desenho torto das suas sobrancelhas e o arquejo engraçado que elas formam quando você sorri. Eu amo quando você diz que me ama, desse seu jeito de amar aos pedaços, à La carte, com hora marcada. Eu amo, da forma mais insanamente egoísta, o seu péssimo gosto musical, que faz com que eu me sinta tão mais infinitamente culta que você, ainda que, no fim das contas, eu acabe chorando sozinha ouvindo minhas bandinhas Cult, enquanto você se enrosca por aí num corpo qualquer ao som do seu tão amado sertanejo universitário. Eu amo sua conversa chata sobre como eu fico ridícula falando sobre as minhas séries de TV que você não conhece, porque até o seu silêncio é muito mais interessante que qualquer conversa sobre os meus livros que você também não conhece. Eu amo a confusão que é a sua família, que é você, que é a gente.
E pode aparecer um cara bonito, inteligente, que goste do que eu gosto e que preste atenção no que eu falo que, mesmo assim, eu não vou querer, porque, com tantas qualidades assim, é claro que ele não poderia ser melhor que você. Ninguém mais me faz enxergar o sofrimento com tanta alegria, e a paixão com tanto fervor adolescente. Mesmo que eu siga em frente, e beije outra boca, e até me encante por um outro alguém, com você é diferente. Com você, sempre vai ser diferente. Eu gosto dos seus olhos, do seu beijo, do seu cheiro, das suas roupas, do seu nome, e do número do seu telefone. E a verdade, se quer saber, é que eu não me sinto tola ou envergonhada por isso. Porque se não for com, por, para e sobre você, não vale a pena.

28 compartilhamentos
Inserida por vanessanghievisck