Maria de Lourdes Terumy Suzuki Nishimura: ⁠Sem abelha, sem flor, sem nada A...

⁠Sem abelha, sem flor, sem nada A abelha beija a flor feito beija - flor,
e suas patas as agarram com fervor.
Ao acaso as patas cheias de pólen
vai por aí ajuda... Frase de Maria de Lourdes Terumy Suzuki Nishimura.

⁠Sem abelha, sem flor, sem nada

A abelha beija a flor feito beija - flor,
e suas patas as agarram com fervor.
Ao acaso as patas cheias de pólen
vai por aí ajudando ao homem...

porque as abelhas quando beija
beija com carinho e com amor
e se assim à flor ela a deseja
quem dera ao seu senhor!

Não que o homem fosse seu dono,
mas pelo menos deixam nascer a flor,
sem deixar a abelha sob o abandono!

Porque se a natureza for abandonada,
na terra não iria nascer linda a bela flor
e sem flor...sem abelha...sem nada!

Maria Lu T S Nishimura