Evangelista da silva: Tardes de Sábado, Moço Gente, é...

Tardes de Sábado, Moço Gente, é inefável explicar-lhe! Porém, inefavelmente lhe explico: Samba, cachaça, canção, Gotículas de lágrimas caem do anil: É a naturez... Frase de evangelista da silva.

Tardes de Sábado, Moço

Gente, é inefável explicar-lhe!
Porém, inefavelmente lhe explico:
Samba, cachaça, canção,
Gotículas de lágrimas caem do anil:
É a natureza que chora...
Choros de alegria, tristeza, saudade e dor...
Diante a tudo isto moço,
Lá dentro, bem lá dentro daquele boteco,
Eu e você, moço, gente, podemos ouvir
Rufar de tambores, ou ainda o seresteiro
Matinal que embriagado de álcool e violão,
Confunde-se com a inexplicação das coisas.

Inserida por Rjevangelista