Geórgia Lira: Areia Quero adormecer numa rosa,...

Areia Quero adormecer numa rosa, abraçada numa abelha. Quero escrever poesia, cansei de prosa. Já desfiz a viscosa teia. Meu corpo é minúsculo. Tenho mãos preen... Frase de Geórgia Lira.

Areia

Quero adormecer numa rosa,
abraçada numa abelha.
Quero escrever poesia, cansei de prosa.
Já desfiz a viscosa teia.

Meu corpo é minúsculo.
Tenho mãos preenchidas por grãos
de pólen e vazias de pulso,
por isso o busco nessa composição.

Meu corpo é grão de areia,
sou aquele farelo numa praia cheia
que compõe a vista feia
onde as ondas do mar se baseiam.

Adentro a onda sonora,
este é o Agora dum Outrora
que se faz eterno na caminhada
amarela ácida e docemente azulada.

Inserida por sinestesiam