Antonio Montes: MERIDIANO Meia lua, meia noite meia rua...

MERIDIANO Meia lua, meia noite meia rua com açoite um par de meia de pé a metade da mulher na meia vida de afoite. Tantas meias mediando medrando os planos seus... Frase de Antonio Montes.

MERIDIANO

Meia lua, meia noite
meia rua com açoite
um par de meia de pé
a metade da mulher
na meia vida de afoite.

Tantas meias mediando
medrando os planos seus
a corte quase caduca
meio corte, meia fruta
o fundo no meio da gruta
medindo os carinhos teus.

Na meia xícara de chá
meio gole de prazer
os meio dos seus chamegos
medem o meu e os de você
meio mundo, meio fundo,
no fundo do seu fazer.

Tanto meio, esta no meio
meados do meio fim
mediando meridiano
meio plano, mornos panos,
montando o topo do mundo
o meio mundo é aqui.

Antonio Montes

1 compartilhamento
Inserida por Amontesfnunes