Moacir Luis Araldi: Plenilúnio A lua adormecia Solitária,...

Plenilúnio
A lua adormecia
Solitária, bela,
Inspiradora.

Admiro-a,
Sem nada dizer.
Não posso toca-la,
Embora um duto
Liga-me a seu coração.

Mágico sonho
Ela me ouve
E me chama.

Quero abraça-la,
Mas o cheiro de café
Chama o novo dia.

1 compartilhamento
Inserida por Moapoesias