Maria Zenith Andrade Brandão: Busquemos sorrir para todos: Nosso pai,...

Busquemos sorrir para todos: Nosso pai, nossa mãe, nossos tios, nossos primos...cobradores de ônibus, garis, moradores de rua...aquela pessoa que nos irrita...para "TODOS"...
Busquemos ser gentis com todos: Nosso pai, nossa mãe, nossos tios, nossos primos...cobradores de ônibus, garis, moradores de rua...aquela pessoa que nos irrita...com "TODOS"...
Busquemos ser solidários com todos: Nosso pai, nossa mãe, nossos tios, nossos primos...cobradores de ônibus, garis, moradores de rua...aquela pessoa que nos irrita...com "TODOS"...
Busquemos ter boa vontade com todos: Nosso pai, nossa mãe, nossos tios, nossos primos...cobradores de ônibus, garis, moradores de rua...aquela pessoa que nos irrita...com "TODOS"...
Enfim: o que eu quero dizer com isso é que a afabilidade, a educação, a benevolência, a prestatividade e a indulgências, quando já são virtudes nossas, não fazem acepção de pessoas, não escolhem pequenos grupos para entrarem em ação. Porém...para que nós possamos desenvolver estas virtudes dentro de nós, faz-se necessário que saiamos de nossa ZONA DE CONFORTO, e busquemos ir ALÉM, certo...!?
Não percamos a oportunidade de sermos felizes fazendo outras pessoas serem felizes.
Assim sendo, mãos à obra!

1 compartilhamento
Inserida por MariaZenith