R. Matos: Recôndito no meio do jardim De vez...

Recôndito no meio do jardim De vez enquanto notado como sadim Guarda do dia seguinte Protetor arcano do amor concluinte Para o póstero, minha flor e melhor espe... Frase de R. Matos.

Recôndito no meio do jardim
De vez enquanto notado como sadim
Guarda do dia seguinte
Protetor arcano do amor concluinte
Para o póstero, minha flor e melhor esperar
Tenha fleuma e não tema o deleite nós aguardar
Neste instante os tempos não são melhores
Mais o traçado segue, não sendo dos piores
O que é acurado hoje, amanhã perecerá
É mais banal é provavelmente cederá
Como o moinho que gira, o tortuoso
Irá percorrer um longo caminho tempestuoso
Até principiar sua magnificência
Pode demorar mais do que o previsto
Além as pétalas vão bafejar, até então persisto.

1 compartilhamento
Inserida por rmatos