Não realizei meus sonhos Aprendi a vida... Arcise Câmara

Não realizei meus sonhos

Aprendi a vida inteira a reprimir as emoções, não chorava quando tinha vontade e fingia sorriso quando tudo parecia desmoronar, fugia quando o assunto ficava forte demais, com o tempo passei a ter a sensação de perder tempo.
Sempre dava o primeiro passo, sempre pedia desculpas, recuava, fazia vontades, faz tempo que venho tentando mudar, não quero acusar ninguém, mas cansei de pensar apenas nos outros.
Minha vida começou a ter muitas perguntas e poucas respostas, se muita gente queria se afastar de mim, conseguiram, perdi o interesse por tanta gente, muita gente fica com pena de mim, mas eu me autodescobri ficando ao lado de quem me faz bem.
A questão era bem mais complexa, estava dormindo muito, sem vontade de nada, não tinha vontade nem de manter os amigos, mais uma vez todos ficaram com pena de mim, eu precisava consertar muita coisa, inclusive minhas crises.
Todos os dias eu me surpreendia com uma dor de cabeça nova, estava saturada de palavras ao vento sem amor concreto, a minha vida estava repleta de desculpas, eu não conseguia nem dar satisfação para mim mesma.
É só uma fase, vai passar, ouvia isso constantemente, me dava até raiva, eu estava curtindo a minha morte social, não era provocação, não era guerra de silêncio, não era rebeldia, sabe o que era? Cabeça nas nuvens.
Minha expressão se alterou, estava olhando para trás e consequentemente triste, não levei casamento à sério, não fui atrás das possibilidades, não casei por amor, não mudei de ideia quando o meu sim me agredia mentalmente.
Entendi tanta coisa na terapia, eu precisava me autoconhecer, eu precisava falar, falar, falar até o ponto de me ouvir, até o ponto de entender meus próprios conselhos, eu passei a vida pensando muito, mas sem atitude.
Eu tinha dentro do peito bombas prontas para explodir, eu era uma farsa, eu me sentia inútil, fracassada, infeliz e de mal com a vida. O que me motivou a me impulsionar foi entender que a vida é curta para perder tempo com o que não funciona mais.
Dormia tarde não por vontade e sim por insônia, explorei meu lado mais fraco, porém consegui falar o que me incomoda, até a falta de elogios, de curtidas, de confiança em mim mesma me afetava.
Não realizei meus sonhos ainda, mas já me levantei.

1 compartilhamento
Inserida por Arcise