Hermes Fernandes: Desperdício Eu podia estar rimando...

Desperdício Eu podia estar rimando Compondo meus poemas Mas me vejo aqui tramando Pra desconstruir esquemas Ops, rimei. Desculpe-me o deslize. É difícil me cont... Frase de Hermes Fernandes.

Desperdício

Eu podia estar rimando
Compondo meus poemas
Mas me vejo aqui tramando
Pra desconstruir esquemas
Ops, rimei.

Desculpe-me o deslize.
É difícil me conter...rs

Ficou com a pulga atrás da orelha?
Por que tua cara está tão rubra?
Diga-me em quem você se inspira?
Será que ainda há uma faísca?

Percebeu a artimanha?
Quantas rimas desperdicei?
Pra não perder a manha:
Eu bem que te avisei!

Gosto de brincar com as palavras...
Trocar “rubra” por “vermelha”
“se inspira” por “se espelha”
“Faísca” por “centelha”
E pronto... garanti minhas rimas.

Enfeitei minha poesia.
Mas deixei a pulga no mesmo lugar.
Que estripulia!
O que não gosto é de com sentimentos brincar...
De fazer malabarismo com corações alheios
Iludir os outros com os meus devaneios
Confundir aventuras com meros passeios.

No princípio era o verbo, no fim, o adjetivo.
Mas entre um e outro, o mistério subjetivo

1 compartilhamento
Inserida por HermesFernandes