Paulo Roberto do Carmo: JUSTIÇA POUCA Nenhum homem há de pesar...

JUSTIÇA POUCA Nenhum homem há de pesar e medir a justiça pouca e proclamá-la mais que suficiente. Todo homem julgado pela consciência pelos cordeiros do mundo, ... Frase de Paulo Roberto do Carmo.

JUSTIÇA POUCA

Nenhum homem
há de pesar e medir
a justiça pouca
e proclamá-la
mais que suficiente.
Todo homem
julgado pela consciência
pelos cordeiros do mundo,
há de semear e colher
nas safras a justiça
e apregoá-la
menos que suficiente.
Fica o dito lavrado na pedra,
e intimados
os desvalidos da terra.

1 compartilhamento
Inserida por pensador