Jb: Um dia você vai ler A benesse divina...

Um dia você vai ler

A benesse divina nos providencia a fascinação
que vacina a contradição assassina de formação.
Ao se criar a Internet, onde se posta à emoção,
então meu irmão um dia vai ler com inspiração
essa mensagem poética ao seu bom coração.
Qual amarfanhado livro de antanho
de peso e envelhecido tamanho.
Ah... É no “Facebook” que se mete o “look”...
O Face fica dentro da Internet como e-book.
Pra um bom entendedor
isso cheira como flor.

O tempo é o templo que guarda com fidelidade
e aguarda a sua leitura com natural fraternidade.
Um dia feliz, quiçá, se encontre aqui por um triz
à sua escritura em lenimento ao seu penariz.

É pra isso que serve a mensagem do amém.
Ao esperá-la com paciência na ciência do bem!
Pressa pra quê, se na eternidade há de se viver
com benefícios, ou resquícios de malefícios,
no exercício de se aprender a morrer também,
na criação de vida afora num saber além do além
e no crepuscular da velha senhora: Dona Aurora
já vem a sorrir com seus límpidos dentes aquém...
Todos os seres moram na inconsciência astral.
Porém, além de seus pareceres, paciência,
amar o bem é a verdadeira ciência
qual não se entende também
ou se entende bem mal.

Um dia você vai ler!

jbcampos

1 compartilhamento
Inserida por camposcampos