Carlos Bento: Quando meu coração cria asas e ganha...

Quando meu coração cria asas e ganha os céus onde o infinito é bordado de azul, minha alma é toda de sonhos e meus pés nem ousam tocar o chão. A distância que separa meus pensamentos da poesia tem a duração do bater das asas de um beija-flor.

1 compartilhamento
Inserida por CARLOSBENTO2014