Wilton Lazarotto: Levanta dai. Tem dias que o dia surge...

Levanta dai.
Tem dias que o dia surge cinza, sensação de segunda-feira em plena sexta, você se arrasta da cama e parece que ela te puxa de volta. Você dormiu horas, mas ainda está cansado, sem muita vontade, pois é, pare com isso. Aprenda o valor do tempo, não sabe como? Então peça quando vale um segundo para um nadador olímpico que ganhou medalha de bronze por passar um tão insignificante segundo depois. Peça a um mergulhador o tempo inacabável que pode ser um minuto. Peça a um apaixonado o quão rápido pode ser uma hora. Peça a alguém com sede o quão árduo e demorado pode ser um dia, peça a um sentinela o quão longa pode ser uma madrugada. Simplesmente peça a uma mãe que teve um bebê prematuro quando vale um mês. Peça a alguém que reprovou um semestre o quanto é triste ter que parar no tempo. Peça a alguém que tem medo o quanto pode ser aterrorizante um instante. Viva o presente, o instante, o agora, o exato momento, mas viva, levante, corra, pule, caminhe, mas aproveite o seu tempo, a sua saúde, suas amizades, a sua família, amigos, não perca tempo, pois essa é uma das poucas coisas que você nunca deve perder. A vida é uma grande dádiva, mas para àqueles que aprenderam no fundo do seu âmago o valor do presente. Peça se você ainda não sabe, se ainda tem dúvida, do quanto valor tem um instante de tempo e vera que ficar deitado é deixar o tempo fugir de você lá fora. Levante! O dia está lindo e se não estiver, faço-o ser.

1 compartilhamento
Inserida por iiiiiii