Marcelo Martins: Simplesmente PAI Quem é esse homem que...

Simplesmente PAI

Quem é esse homem que chamo de pai?
Quantos de nós sabemos responder com exatidão
e com palavras verdadeiras o que significa esse homem em nossas vidas?

Será que sei realmente o significado da palavra PAI?
Pense e veja o que realmente lhe vem à mente quando pensa nesta palavra?

No meu caso especifico, sei que durante muito tempo de minha vida.
Não dei o devido respeito e valor a este homem
há quem sempre chamei de pai.

Não o tenho mais, mas nem por isso deixei de pensar
e jamais o esquecerei.

Pensando e refletindo, chego à conclusão que finalmente entendi
o significado deste homem em minha vida.

Se ele estivesse por aqui ainda, acho que gostaria de lhe dar um presente,
não um presente físico,
mas sim uma conversa que se para ele até tivesse pouco valor,
para mim seria uma das maiores coisa em minha vida.

Por que digo isso?
A resposta é simples demais, Pensei muito, lembrei-me de situações,
de atitudes minhas e dele em vários momentos de minha vida.
E cheguei à conclusão que agi errado demais com esse homem.

Devido a estas recordações e ao que elas me fizeram sentir,
penso que gostaria de ter esta conversa com meu PAI.

Sei que não seria fácil, teria que deixar de lado muitas das minhas ideias
e modo de agir, abrir meu coração,
ter coragem de realmente me aproximar deste homem.

Queria dizer a ele muitas coisas,
entre elas algumas seriam difíceis de falar.
Gostaria de dizer o quanto ele foi e continua a ser
importante em minha vida.

Pedir perdão pelos erros que cometi com ele,
pela minha falta de amor muitas vezes, pela minha grosseria
e desdém com seus conselhos e opiniões.

Pelas palavras de escarnio e gozações muitas vezes com sua pessoa.
Pela minha falta de respeito com suas atitudes.
Atitudes estas que se referiam a minha pessoa em questão,
para me orientar e me tornar uma pessoa decente e correta.

Pelos prejuízos que lhe causei,
tanto financeiro e por que não dizer moralmente,
quanto atingi sua pessoa como homem correto.

Pelas trapaças e por que não dizer mentiras mesmo.

Pedir para que me perdoasse por tantas horas de trabalho
que teve que suportar para alimentar este filho que muitas vezes
ainda achava ruim o que era ofertado
sem nada reconhecer tanto esforço deste homem..

Pedir perdão por não reconhece-lo como meu pai em várias ocasiões.

Pedir perdão por não sair em sua defesa de comentários
E conversas que eu sabia que ele nada tinha haver com determinada situação

Pedir perdão por não ter consciência do ser humano que estava ao meu lado,
Se dedicando de corpo e alma ao meu sustento e criação.

Pedir perdão por não aceitar que ele também tinha falhas,
Que podia errar e que não era perfeito.

Pedir perdão por não reconhecer um homem que também sofria
E ficava magoado com minhas atitudes e palavras.

Posso afirmar com certeza
Que esse seria o melhor presente que eu poderia dar a meu PAI.
.
E com certeza sem sombra de dúvidas
Que eu é que estaria ganhando mais ainda com esta conversa.
Pois finalmente faria meu pai entender o quanto ele foi
E sempre será importante em minha vida.

A meu PAI.
Esteja onde estiver,
Pois tenho a certeza que um dia vamos nos reencontrar.
MEU PEDIDO DE PERDÃO,
MEU PEDIDO DE DESCULPA PELOS ERROS,
E MEU AGRADECIMENTO POR TUDO QUE ENSINOU,
MOSTROU, CORRIGIU, ORIENTOU,
E ME FEZ VER COM SEU MODO SIMPLES DE AGIR.
COMO É SER UM GRANDE SER HUMANO
E UM GRANDE PAI.

OBRIGADO MEU PAI

1 compartilhamento
Inserida por marcelo1960