Valmir Mizio: Eu posso ser tudo que escrevo ou não...

Eu posso ser tudo que escrevo ou não posso ser nada. Posso transparecer um personagem no imaginário. Mas, não. Eu sou um cara comum, cheio de defeitos, qualidad... Frase de Valmir Mizio.

Eu posso ser tudo que escrevo ou não posso ser nada. Posso transparecer um personagem no imaginário. Mas, não. Eu sou um cara comum, cheio de defeitos, qualidades, memória, uma vida cheia de amigos, família, planos, uma profissão que amo, momentos de reflexão, momentos de solidão. Eu também sou como vocês. E o que eu quero é viver fazendo o bem sem precisar de máscaras. Eu também sou como vocês e procuro o que vá durar, o que vá chegar para ficar.

1 compartilhamento
Inserida por valmirmizio