Luiza Neves: Tá tudo errado nessa minha vida...

Tá tudo errado nessa minha vida pequena.
Eu não tenho uma mansão como eu queria, nem um hillux na minha garagem.
Nem sou casada e olha que eu já passei da idade que eu queria ter quando casasse.
Não tenho auto-estima, não tenho beleza, sou carinhosa demais, sou grossa, olho estranho pras pessoas.
Queria ter dois filhos, mas, hoje eu tenho um cachorro que prefere mais minha melhor amiga do que eu.
Meu amor de adolescência nem sabe que eu amo ele, ou que eu amei, ou que ainda amo, sei lá.
No trabalho da tudo desmoronando, eu não trabalho com o que eu gostaria de trabalhar.
Me formei em letras, mas, odeio ter que dar aulas pra adolescentes que se parecem tanto comigo.
Pra piorar essa dor de cabeça terminal, meu apê precisa de obra e eu to zerada.
Liguei praquele meu 'baby' e quem atendeu foi a mãe dele, ou seja ele ta pior que eu, ta morando com a mamãe.
Fala sério né, eu ainda amo aquele cara que nem lembra mais se meu nome é Luiza ou Luana, ou Laura, ou algum outro nome patético.
Por que Luiza não é um nome de garota que nasceu pra mudar o mundo né? Luiza é nome de cantora falida. É eu não sei cantar.
Acho que estaria tudo melhor se eu voltasse a ter 14 anos, começasse a namorar aquele cara, conhecesse mais amigos, mme formado em História como eu sempre quis,
e de bônus ganhar um emprego de colunista em um grande jornal do Rio, tipo o Extra assim.
Acho que isso é uma pré-crise-deprê.
E tava faltando um bônus né? Esse é o bônus: torrar grana com psicóloga e remédio pra depressão.

(Depois dos 26)

1 compartilhamento
Inserida por LuizaNeves