Gerado Collyer: FELIZ ENCONTRO G. Collyer Palavras...

FELIZ ENCONTRO



G. Collyer



Palavras sequer refletem os sentimentos

Que n´alma ora pulsa e se apresentam,

Eflśvios sutis de cāndido e tźnue alento

Assomam sutilmente e se assentam.



Em meio ao incrédulo mérito que se aflora

Como pluma que toma as azas do vento

Os olhos erguidos aos Céus, veneram e choram

Ao sentir, tocado o coraēćo, angélico sentimento.



Do viandante, inumerįveis foram as caķdas,

Tantas quantas as tivera cometido

Do frįgil amigo as mćos foram erguidas.

Enfim, as perquiridas buscas confirmadas

Louvores ergo aos Céus por ter mostrado

As trilhas do real caminho a serem pisadas.

1 compartilhamento
Inserida por sarah2012