Ghraa Macedo: Qualquer um pode ver, estou vivendo em...

Qualquer um pode ver, estou vivendo em um paralelo onde metade de mim é partida e a outra metade é chegada. Me despeço de mim mesma, de minha manias, meus hábitos e juventude.
A outra metade aguarda ansiosa como quem busca seu aguardado visitante na estação. Mas não é um visitante comum, ele tem valores, desejos tranquilos e a vida o espera.
Quantas fases, amigos, amores quantos mais? não sei. hoje mais do que nunca sei que tudo isso chama liberdade, a liberdade que sempre procurei a que sempre busquei, liberdade da qual eu aproveitei.
Vivo como quem vive de verdade, minha vida não tem sentido se não me doar por inteiro a tudo oque faço e ao que sou. Me acredite quando eu disser que o amo, porque minhas verdades são absolutas e meus desejos? não me pergunte de meus desejos, nem se eu quisesse não poderia blasfemar, sou feita de palavras e delas somente sou.
Me deixe contemplando o céu e voltarei terna, fato esse de que a natureza me acalma mas não pertencemos uma a outra, somos espíritos livres assim como a fera o bicho, o anjo ou a mulher.
Independente de minhas escolhas e meus cinco minutos de fúrias eternas, ainda serei eu, mesmo que não me pareça ou que ainda me falhe a memória serei eu. De qualquer jeito que o vento soprar, para mim não me importa continuarei, como se nada realmente importasse.

Never cut my wings,

Ghraa.

1 compartilhamento
Inserida por Ghraamacedo