Jamila Mafra: Tapete de Sangue Pai nosso que estais no...

Tapete de Sangue

Pai nosso que estais no céu,
Aqui o caso é sério
Já estão até chamando
A Terra de inferno.

Veja a nossa vida
E a nossa falta de amor,
Nossos irmãos
Viram marginais
Enquanto nos enganam
Os governamentais.

As ruas são um tapete de sangue
Sobre o qual temos que pisar,
O crime virou tema de novela;
Tão comum quanto colocar no pão
Um pedaço de mortadela.

Sujaram de vermelho
As cores e as bandeiras da Terra.

Não há melhora,
O mundo só piora
E tudo que Vistes
Que era bom para vivermos
Está sendo destruído
Pelo desumano desprezo.

1 compartilhamento
Inserida por jamilamafra